segunda-feira, 30 de junho de 2008

Conheça a Segundona: Brusque


BRUSQUE FUTEBOL CLUBE
Fundação: 12 de outubro de 1987
Estádio: Augusto Bauer (8000 lugares)
Cores: Verde, Vermelho, Amarelo e Branco


Rebaixado no primeiro semestre como o último colocado do Campeonato Estadual, o Brusque ameaçou não ir para a Segundona. Fez uma campanha de choque: ou a torcida colabora e adere os planos de sócios, ou o time pediria licença. Houve resposta da comunidade, e o time foi pra Guerra. Disposto a não errar como errou no início do ano.

O Campeão Catarinense de 1992 resolveu passar uma borracha na tragédia que foi a passagem de Nasareno Silva, levantou a cabeça e foi às compras. O Presidente Inácio Schwartz pediu licença do cargo, e o seu vice, Danilo Rezini, prometeu fazer um time muito melhor, para voltar à elite em 2009.

O técnico Suca (foto) tem experiência no Futebol Gaúcho e de lá trouxe grande parte do seu time. Destacam-se o excelente lateral-direito Pereira (ex-Juventus), os zagueiros Thiago e Marcelo (ex-Avaí e Criciúma), os meias Rafael Xavier e Leo Maringá e o atacante Neno (ex-Ibirama). Se juntarão ao grupo ainda os atletas da equipe júnior, que é a melhor do Campeonato Estadual de Juniores.


No papel, o Brusque, ao lado do Joinville/Juventus, é o time mais forte da Divisão Especial. Investiu em jogadores de qualidade e com bastante rodagem. Resta ao Bruscão corresponder às expectativas e conseguir o acesso.

2 comentários:

  1. Carlos Fabiano Farias1 de julho de 2008 07:56

    Só uma perguntinha: o AB tem mesmo capacidade para 8 mil pessoas ?

    ResponderExcluir
  2. Carlos, aquele jogo Brusque x Avaí adiado na Segunda-Feira a noite, colocou mais de 8 mil com certeza.

    O recorde oficial do Estádio é de 6.787 pagantes em 1988. Então bate com a capacidade de 8 mil pessoas, sem a arquibancada metálica, que se colocada, aumenta pra 9.500.

    ResponderExcluir