sábado, 29 de novembro de 2008

Metropolitano sem estádio, de novo

A imagem fala por si só. A enchente detonou não só com o Estádio do Sesi, bem como também o Complexo Esportivo Bernardo Werner. A direção do Sesi informou que todo o gramado do estádio terá que ser replantado, numa reforma que levará entre seis e oito meses.

O que significa dizer que o Metropolitano não deverá contar com o Sesi para os seus jogos no Campeonato Estadual. Não sei como ficou o Estádio de Timbó, mas o Augusto Bauer escapou da enchente. Novo aluguel a vista?

É Brusque x JEC na Final da Copinha!

O Brusque fez o seu dever de casa. Jogou com o mesmo foco da Segundona e da partida contra o Metropolirtano, passou por cima do Avaí por 3 a 1 e garantiu uma vaga na decisão, onde tentará o seu segundo título. O JEC goleou o fraco Cidade Azul por 5 a 1 e também vai pra final.

Sobre o jogo em Brusque: mesmo com gramado molhado, o Brusque mandou no jogo, mas por um azar do futebol, saiu atrás no placar, com gol de Cléberson. Mesmo assim, o time continuou em cima, consguindi a virada ainda na primeira etapa, e sacramentando com gol do Xavier na segunda.

Pouco sei do JEC. Assisti um jogo deles contra a Chapecoense que foi terrível. O técnico Leandro Campos (que já passou pelo Brusque sem sucesso) tem um time em formação que peca no entrosamento, peça mais forte do rival. A torcida reclama muito.

As finais serão no Domingo, as 19 horas em Brusque, e o jogo de volta acontece na próxima terça, as 18:15, na Arena Joinville. Negócio é o seguinte: muitos jogadores tem os seus contratos se encerrando no domingo (A final foi atrasada em uma semana e pegou os diretores brusquenses de surpresa. A diretoria trabalha para ter um termo aditivo de contrato, de forma que os jogadores tenham condição de jogo na decisão de terça.

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Brusque contrata Pedro Ayub

O Brusque confirmou o seu segundo reforço pro Catarinão 2009: o volante Pedro Ayub (foto), de 31 anos, que foi dispensado em agosto pelo Avaí. Ayub era titular absoluto na época do técnico Vagner Benazzi, mas não se encaixou no esquema de Silas. Ele também atuou nos seguintes clubes: Caxias (1993 até 1997), Leiria – Espanha (1997/02), Portuguesa, Grêmio (1998 até 2000), Santa Cruz (2001), Ipatinga (2002), Vila Nova-GO (2003) e Novo Hamburgo-RS (2004 até 2006).

Achei uma excelente contratação. Fará uma boa dupla de volantes no esquema do Suca, junto com o Xipote.

O Cancelamento do JASC

Fiquei muito triste pelo Cancelamento dos Jogos Abertos, mas a decisão foi a mais prudente. Na situação que estamos vivendo, o que menos podemos querer é uma festa. E não haveria clima para que a maior festa do esporte viesse a acontecer.
O presidente da CCO, Arlindo Ewald, estava consternado. Afinal, uma preparação que durou mais de um ano acabou em apenas dois dias, por causa dos fatores climáticos. Via-se, no semblante de cada voluntário, uma cara de decepção. A última reunião (foto), teve que acontecer à luz de velas, no Hotel Schroeder.
Os Jasc de 2008 foram cancelados, e isso é fato. Ano que vem, a sede será em Chapecó, e em 2010 o cinquentenário será em Brusque. Os conselheiros do CED tem a obrigação de dar mais uma chance para as quatro cidades do Vale, o quanto antes possível.

Dr. Hercílio Luz alagado


Foto das cheias atingindo o Estádio do Marcílio Dias. O Campo não ficou debaixo d´água, mas o resto está submerso.

De volta

A enchente passou, e vamos voltar ao trabalho. Perdão aos visitantes deste blog, ficamos sem conexão com a internet por alguns dias, mas retornou. Na medida do possível, vamos retornando com os posts.

domingo, 23 de novembro de 2008

Situação de calamidade

Em um post, uma explicação pelo tempo de desatualização deste blog.

Estou em Brusque, retornei pra cá, pois a situação na cidade é de calamidade. O Rio Itajaí Mirim está vários metros acima no leito normal e muita gente está desabrigada. Ontem, passei por oito barreiras no trecho entra Gaspar e Brusque, e devido a veia jornalística, abandonei o esporte e passei a prestar serviço para o jornalismo da Rádio Cidade, pois eu estava com o carro da emissora, munido de um rádiocomunicador de alta potência, e não havia condição de chegar ao centro. Das 14 até as 23 horas, circulei por toda a cidade informando das condições dos bairros, e a destruição que se alastrou por todo canto. Minha peregrinação foi até quase meia noite, quando o excesso de água nas ruas acabou molhando o distribuidor da Unidade Móvel da Rádio e voltei pra emissora de guincho.

Confesso, nunca esquecerei esse dia. Um sábado de um enorme aprendizado, cada vez que o leito do Itajaí-Mirim subia. Por um acaso, acabei virando um repórter da enchente, e tive o dever de dar a triste notícia de um falecimento ocorrido por um deslizamento.

Peço a todos as suas orações, para que a situação melhore. Esse Rio vai baixar, e retornarei a Timbó, onde os Jogos Abertos foram paralisados hoje, retornando nesta segunda. O jogo do Brusque com o Avaí que aconteceria sábado, passou pra terça, as 18:15. Se São Pedro permitir.