sábado, 6 de dezembro de 2008

Recopa: Brusque na final, com pênaltis

A Recopa começou e, com ela, uma pequena amostra do que poderá ser o Campeonato da Série D do próximo ano. E prova que o time tem que ser bom mesmo.

No primeiro jogo, o Sorocaba usou de rapidez e bateu o Pelotas por 2 a 0. Destaque para o árbitro Célio Amorim, que expulsou 3 jogadores pelotenses. Mas nada que tirasse o merecimento da vitória do time paulista.

No jogo de fundo, preciso antes de tudo dizer uma coisa: o Brusque quase perdeu pro time de juniores do Londrina, enxertado com alguns reservas, que chegaram da estrada direto pro campo. O jogo em si foi até bem ruinzinho, com poucas chances dos dois lados, com o LEC saindo na frente numa sobra da zaga, e o Brusque empatando logo depois com um bonito gol do Tom. E foi só.

Após 18 cobranças de pênaltis, o Bruscão venceu por 7 a 6 e classificou pra final. E qual o motivo pra tanto sofrimento? Simples. O time não tem atacantes. Flávio Guilherme machucou e não foi pro jogo, restando ao Suca colocar Leonardo, do time junior. A bola não parava no ataque, e não tinha jeito do time mandar lá na frente. Sem centroavante fica muito complicado.

A final é amanhã as 15 horas contra o Sorocaba, e a receita é a mesma: sem ataque, vai ser muito complicado do Bruscão marcar. É jogo pra dar empate e se resolver nos pênaltis de novo, porque a defesa segura bem, mas na frente é uma lástima.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Recopa: Deu problema no Sorocaba

Do site Futebol Interior:

O Atlético Sorocaba pode acabar ficando sem jogadores para a partida da noite desta sexta-feira, que abre a Recopa Sul-Brasileira, que ocorre na cidade de Brusque, em Santa Catarina. Dos 18 jogadores que o técnico Paulo Roberto Santos levou para o Sul do país, nada menos que 15 estão com o conhecido "piriri", mais conhecido como disenteria.

Segundo informou na manhã desta sexta-feira e Rádio Cruzeiro FM, através do repórter Alex da Mata, que acompanha o Galo em Santa Catarina, o médico do Galo, Dr. Millen Pucinelli etá tendo muito trabalho para "recuperar os jogadores".
O Galo estréia contra o Pelotas, às 19 horas, no Estádio Augusto Bauer, com capacidade para receber 5.500 expectadores, mas corre o risco de não ter número de atletas para a partida.

O médico ainda não conseguiu detectar o que foi ingerido pelos atletas e gerou o tal problema nos jogadores atleticanos. Se o Galo, campeão da Copa Paulista, vencer o Pelotas, campeão da Copa Federação Gaúcha, pega o vencedor do jogo entre Londrina x Brusque, que se enfrentam às 21 horas, no mesmo local. A final da Recopa Sul-Brasileira está marcada para domingo, às 16 horas, em Brusque. O torneio tem o apoio da CBF.

A Sede que tem até Elevador dos Jetsons

Acontece hoje a noite em Balneário Camboriú a inauguração oficial da nova sede da Federação. Eu estive lá uma oportunidade, e fiquei assustado com o tamanho do elefante branco. Sabe aqueles elevadores em tubo que a gente via no desenho dos Jetsons? Lá tem. Na entrada, um tapete com a marca da FCF e dos clubes da primeira divisão (que também fizeram sua colaboração. Uns deram os vidros, outros cimento, e por aí vai), que dá acesso a um enorme hall. Só quem já foi lá sabe. Aí, do lado direito, numa portinha, está uma apertada sala onde acontecem as reuniões e arbitrais com os clubes.

Ah, e hoje nos principais jornais do Estado, a Associação de Clubes colocou um anúncio de quase página inteira parabenizando pela inauguração da nova sede (logo os clubes que tanto criticam?).

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Recopa: participa, mas tem que pagar!

Quando eu soube que a Recopa Sulbrasileira que começa amanhã daria um prêmio de 30 mil reais pro campeão e de 10 mil pro vice, perguntei pra mim mesmo de onde viria o dinheiro pra pagar isso. Da Federação Catarinense que não ia ser, né?

A resposta veio hoje de manhã, com o presidente do Brusque, Danilo Rezini. Cada clube participante da Recopa precisa pagar uma "taxa de inscrição" de 10 mil reais, que é revertido pra premiação. Ou seja, quem passar pra final terá, no mínimo, o retorno do investimento.

Que presentão essa vaga na Recopa, né?

Recopa: Deu Londrina na Copa Paraná

Nos pênaltis, o Londrina bateu o Cianorte por 3 a 1, depois de empate sem gols no tempo normal e prorrogação e faturou o título da Copa Paraná. Com isso, estão definidos os times que disputarão a Recopa Sul-brasileira, sexta e domingo, em Brusque.

Sexta, as 19 horas, jogam Atlético Sorocaba x Pelotas. Na sequencia, às 21 horas, o Brusque enfrenta o Londrina, o Tubarão Paranaense.

Detalhe: No Paraná e em São Paulo, os campeões das Copas de segundo semestre ganham, além da vaga na Série D, tambem um lugar na Copa do Brasil. Aí sim seria um excelente estímulo pra Copa SC.

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Lambanças do SBT

Olha, pode até parecer antiético criticar outra emissora, mas o que recebi de ligação reclamando do SBT na final da Copa Santa Catarina, não tava no gibi.

Primeiro, que por ordem da rede, o jogo foi marcado pras 18:15. Equipes prontas, o árbitro ficou esperando o OK, iniciando a partida as 18:22. Acontece que, nesse horário, o canal do Silvio Santos tava exibindo uma receita do Francesco Tarallo no programa "Olha Você". O jogo foi ao ar ás 18:29, com sete minutos de jogo.

Teve mais: como todos sabem, entre o primeiro e segundo tempos da prorrogação, não há intervalo. Há apenas a troca dos lados, de forma rápida. Não é que o SBT entrou com intervalo comercial e só retornou com 3 minutos de bola rolando?

Vamo ficar ligado, pessoal...

É Campeão!

Viajei pra Joinville com medo desse jogo final. Tinha medo de que "fatores estranhos" pudessem influenciar no JEC x Brusque final. Afinal, com o investimento que o Joinville tem, ele não poderia ficar de fora do Brasileiro. Vai ter que buscar a vaga no Estadual.

Mas quer saber? O Joinville hoje é um time comum, comparável a qualquer time médio do Estado. Bem longe de ser a quarta força do futebol catarinense.

Vamos pro jogo: no tempo normal, o Brusque não jogou. Estava sem laterais e sem ataque. Flávio Guilherme não segurava a bola e o Leo Maringá tava louco pra entregar, tanto que o Suca tirou ele de campo com 25 minutos. O JEC fez 1 a 0 com o Lima, e o segundo com o Carlinhos. Ninguém ia ser maluco de se matar pra tentar um empate em 30 minutos com campo pesado. O mais prudente foi se poupar para a prorrogação, onde tinha-se a idéia que o JEC vinha com tudo.

Mas no tempo extra, Leandro Campos tomou um nó do Suca, que colocou Tom na lateral-esquerda, mandou Baiano pra direita, e o garoto Leonardo no ataque, com uma missão: dominar a posse no ataque. E conseguiu. Visivelmente, o Joinville estava acabado fisicamente (E aí, Toninho Oliveira?) e o Brusque prendeu a bola na frente. Não tinha poderio ofensivo nenhum, é verdade. Mas pelo menos Alessandro não passou perigo nenhum lá atrás.

Nos pênaltis, brilhou a estrela do Alessandro, que defendeu as cobranças de Silvinho e Claudemir. O goleiro do JEC, Vandré, pulava pro canto meia hora antes da cobrança, o que facilitou pro pessoal do Brusque. O zagueiro Marcelo fez o gol do título e iniciou a festa que varou a madrugada no Berço da Fiação.

Conclusões da partida: O JEC é um esboço de time, perdeu o título por uma grande responsabilidade do treinador, que contratou e montou muito mal o time e hoje não é mais respeitado por ninguém, nem mesmo dentro da imponente Arena Joinville. O Brusque é um time que tem muito por melhorar, mas mostra um conjunto muito unido. E isso fez a diferença na prorrogação. E o Bruscão, depois de 20 anos, está de volta ao Campeonato Brasileiro. Que ano pro clube hein?

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Atualizando - Recopa Sul Brasileira

O Campeão da Copa Santa Catarina a ser conhecido hoje terá mais uma competição para disputar em dezembro: a Recopa Sul Brasileira, que será sediada aqui (Arena ou Augusto Bauer), envolvendo os campeões das Copas Estaduais de SC, RS, PR e SP.

A situação nas demais Copas Estaduais está assim:

São Paulo: O Atlético Sorocaba bateu o XV de Piracicaba com um gol no último minuto fora de casa, e além de sagrar-se campeão da Copa Paulista, leva também uma vaga na Copa do Brasil.

Paraná:
A Final é quarta. Londrina e Cianorte empataram em um gol no jogo de ida. Não há vantagem.

Rio Grande do Sul: O Pelotas bateu o Cerâmica de Gravataí por 2 a 0 e conquistou o título da Copa Lupi Martins.

O time catarinense que vencer a Copinha sediará a competição.

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Marcos Tora chega ao Brusque

O Brusque divulgou mais um reforço para o Catarinense 2009: o meio-campo Marcos Tora (Foto), de 25 anos. Ele estava no Pelotas, disputando a Segundona Gaúcha. Passou pelo Esportivo, Santa Cruz-RS, Avaí, Metropolitano, Danúbio-URU e Brasil-Pe. Foi duas vezes campeão uruguaio pelo time do Danúbio, e teve atuação destacada pelo Pelotas.

Não o conheço muito, lembro vagamente dele no Avaí e no Metropolitano. Mas é bem credenciado no Futebol Gaúcho. Boa Sorte pra ele.

Brusque sai na frente do JEC. Que JEC?

O Brusque teve uma superioridade gritante no primeiro jogo da final da Copa Santa Catarina. Venceu por 2 a 0, e poderia ser mais. Mostrou aquele forte entrosamento de sempre, um controle total do meio-de-campo e desnorteou o Joinville, que não mostrou padrão tático algum de jogo.

Suca terá problemas para a decisão de amanhã. Pereira foi expulso, e Dênio, Lucas e Rafael Xavier estão fora do time por causa do encerramento do contrato. Rodrigo Bagé poderá conseguir um termo aditivo para jogar a decisão, enquanto que Marcelo e Flávio Guiilherme retornam ao time, um de suspensão e o outro com contrato renovado. Mesmo assim, é um time que vem forte, com a zaga titular, provavelmente com João Neto na Direita, Paulinho deslocado pra esquerda, e um esquema com três volantes para não desguarnecer, com Xipote, Baiano e Rodrigo Bagé.

O Joinville, mais uma vez, está longe de ser o JEC de tantas tradições no futebol catarinense. O técnico Leandro Campos errou feio ao tirar Claudemir do campo, e com a expulsão de Ricardo Oliveira, o time se afundou na lama. A equipe não acertava três passes seguidos, e foi presa fácil para o Bruscão. Até o atacante Lima, que deu entrevista na imprensa prometendo encher o Brusque de gols, passou em branco.

O jogo de amanhã será na Arena, um campo da mesma dimensão do Augusto Bauer, mas em melhor condição. O JEC terá que vencer no tempo normal para forçar uma prorrogação, mas vai ter que jogar muito, mas muito melhor do que o futebolzinho que apresentou em Brusque. Eu, se fosse torcedor do JEC, gostaria muito de saber de onde Leandro tirou jogadores de tão baixa qualidade para tentar o título Estadual. Tem jogador lá que não joga nem no time do meu bairro.

Já do Brusque não posso dizer o mesmo. Todos jogaram muito bem, com uma raça impressionante. E estão focados pra levar o bi da Copinha nesta terça.