sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

As versões de RIC e RBS

Matéria veiculada hoje, no "Jornal do Meio-Dia", apresentado pelo Emerson Luiz, na RIC Blumenau, com as imagens da entrevista que fiz na TV Brusque. Nela, Delfim deixa claro que quem vai definir quem transmite o campeonato é a Justiça:

video

Quinze minutos depois, a RBS veiculou entrevista do mesmo Delfim, no Globo Esporte, para a repórter Luciana Leão, dizendo que o contrato é da emissora gaúcha, contrariando o que ele disse pra mim ontem de manhã.



Aguardem os próximos capítulos...

8 comentários:

  1. a ric ate agora nao acionaou a justiça, talvez estejam demorando para nao ter tempo da rbs mudar a decisao.
    a ric tem q entrar com uma cautelar, demonstrando q seu direito liquido e certo ( transmissao do campeonato em 2009) pode ser violado pela rbs e a associaçao de clubes.
    o seu deulfim ta bem tranquilo afinal nao eh o dele q ta na reta mas sim o da associaação de clubes. domingo q vem quem deve transmitir eh a rbs, ja q a diretoria do joinville e nao vai deixar nem o caminhao da ric chegar perto, a menos q a ric entre na justiça e consiga provar q eh de seu direito transmitir o campeonato,

    ResponderExcluir
  2. http://www.clickric.com.br/ric.com/videos_busca.asp?estado=sc&programa=Ric%20Not%EDcias%20SC

    Taí a citação à tua reportagem no "RIC Notícias", Rodrigo.

    ResponderExcluir
  3. Rodrigo,
    Parabéns pelo furo de reportagem, a RIC Record só tem que agradecer você e sua equipe.
    No mais, está claro que, os comentários que estão rolando aqui na região de Balneário Camboriú são verdadeiros. O Sr. Delfim deve ter levado a sua parte financeira nesta negociação com a RBS. Vai comprar um estoque de charutos!!!
    Agora, vendo por outro lado, acredito que o telespectador também vá perder.
    Não pelos jogos, que com certeza serão transmitidos, mas pela qualidade. Eu particularmente quando vejo os jogos de futebol em casa, detesto aquele monte de jornalistas fazendo as entrevistas que a gente nem consegue entender o que o jogador fala (se bem que, já é difícil entender o que eles falam mesmo), mas acredito que assim fica pior, até pelo clima se que criou. A imprensa de uma maneira geral é unida, mas num caso como este vai prevalecer o melhor trabalho, e aí meu amigo, salve-se quem puder. Sem contar o amontoado de cabos, microfones e a briga pra arrumar os melhores ângulos das câmeras, caso as duas emissoras façam a transmissão, que é o que eu acredito que vá acontecer. Não duvidem se nesta segunda-feira alguma equipe já esteja lá na Arena montando os equipamentos.
    E o profissional não vai conseguir trabalhar direito, a dificuldade de passar as informações será muito grande. Experiência própria.
    Quanto aos vídeos postados, o bicho está pegando mesmo.
    Meu olhar clínico de profissional da imprensa já mostrou que foi a RIC exibir a matéria ontem a noite no RIC Notícias, pra RBS correr pra Federação é entrevistar o Sr. Delfim.
    Agora é realmente esperar a decisão da Justiça, afinal muitos dos juízes que batem o martelo pra este tipo de caso, ainda estão curtindo umas merecidas férias.
    Vamos esperar!!!

    ResponderExcluir
  4. Coloquei as matérias no meu blog também. A FCF tá fazendo merda, muuuuita merda, como sempre!

    ResponderExcluir
  5. Não sei pq tem gente preocupada com isso, de quem vai passar os jogos. Deixa a justiça decidir, ou vai ser a RIC "ou" RBS e pronto. Meu deus quanta muvuca que tão fazendo em cima disso. Só aqui já vi quase 10 postagem só desse assunto. Ta loco! Deixa os caras se matarem e pronto. Nóis aqui temos é que cuidar do bruscão dentro de campo e não com briga de RIC x RBS. Até sei que tem valores e contratos ai no meio disso, mais não vejo motivo pra nóis aqui de Brusque se meter nesse assunto. Eles que são grande que se entendem.

    ResponderExcluir
  6. Respondendo as colocações do "anômimo" do primeiro post.
    Amigo,
    A RIC já está na justiça para fazer valer os seus direitos, quebrados pela RBS e pela própria associação de clubes. Não é novidade para ninguém que tanto a Federação (St. Delfim) quanto os Clubes, só querem saber do dinheiro.
    E outra, se a diretoria desrespeitar alguma decisão judical ou até mesmo o direito assinado, repito, pelos Clubes em 2008, pode esperar, vai ser uma confusão, inclusive com polícia.
    E sabe quem perde?
    Nós, telespectadores.

    ResponderExcluir
  7. Depois da trairagem do Delfim no Campeonato Catarinense, fica uma pergunta: por quanto ele vai vender os prováveis direitos de SC sediar a copa do mundo para o Paraná ou Rio Grande do Sul??

    ResponderExcluir