domingo, 1 de fevereiro de 2009

Rodada-bomba

Só deu coisa esquisita nesse sábado...

A caminho do Aeroporto, ouvi Avaí x Tubarão. Quatro bolas na trave do Leão e um empatezinho suado que o time do Marcelo Cabo segurou. Pro campeonato, um péssimo resultado pro Avaí, que teve que aturar a torcida protestando na porta do vestiário. A realidade é que o time da capital tem 12 jogadores pra estrear, e esse não será o time da Série A. O Problema é a torcida ter paciência, ainda mais com um clássico pra ser jogado.

Já em Itajaí, problemas antes do jogo. O Engeplus informa que uma Bomba foi jogada dentro do vestiário do Criciúma antes do jogo contra o Marcílio. Isso vai dar o que falar, já que o fato foi relatado em súmula. O Marcílio poderá ser punido. Como uma bomba entrou no Estádio, e como ela foi colocada no vestiário do Visitante?
Vamos falar do jogo. O Tigre pressionou, pressionou, mas quem marcou duas vezes foi Lourival, o "El Loco", como tá sendo chamado em Itajaí. E os 2 a 0 do Marcílio podem embolar mais ainda o campeonato: Se Figueirense e Chapecoense vencerem suas partidas, haverá uma penca de times com 7 pontos. E o Brusque tem a chance de, se vencer aqui em Chapecó, terminar o domingo como líder do campeonato.

Tava com saudade daqui de Chapecó. Já fui caminhar na Av. Getúlio Vargas e constatar que a cidade continua linda. Mais lindo ainda vai ser se o time do Suca levar três pontos lá no Índio Condá.

Ah, pro pessoal do Oeste: amanhã eu e o Xirú estaremos participando do programa do Sérgio Badá na RIC de Chapecó, as 11 horas da manhã, ao vivo.

7 comentários:

  1. Negocio é secar o JEC e torcer pro Bruscão ouvindo a Cidade, qnt a bomba em Itajai, na 3ª rodada quando a torcida do Brusque teve em Itajai, não tivemos nenhuma revista policial, imagina entao a torcida do time da casa.

    ResponderExcluir
  2. Rodrigo:
    Procede a informação de ontem do Diario Catarinense que o xipote, rogelio e o tecnico suca podem deixar o bruscão???
    São caetano - vasco e arabia respectivamente.....

    ResponderExcluir
  3. Cara, tu ta querendo criar mais polemica cara? po eu acho que esse pessoal do Criciúma quer polêmica. O juiz foi nos vestiario antes e não viu nada, a torcida do Marcílio fica bem longe e em cima do vestiário fica é a torcida do visitante, então como jogariam a tal bomba lá?
    O que pode ter acontecido é alguém ter passado na rua sete e jogado alguma coisa, mas ai a culpa é da PM que não coloco policia lá.
    Vão culpar a torcida organizada de novo e não é verdade.
    Vamo parar de criar polêmica!

    ResponderExcluir
  4. Anônimo, é bom possível sim, ano passado o veículo que transportava torcedores do Criciúma (inclusive com crianças) foi apedrejado por bandidos de uma organizada do Marcílio (não lembro o nome agora).

    ResponderExcluir
  5. Enquanto tudo isso ocorria olha a foto do carro do Delfim no blog do Polidoro Jr http://polidorojunior.blogspot.com/2009/02/nave-do-delfim.html. Futebol catarinense de contrastes

    ResponderExcluir
  6. Anônimo aí de cima. Ninguém aqui quer criar polêmica. Se alguém quer criar polêmica é o Engeplus,ao divulgar a notícia (se tu perceber e/ou prestar mais atenção na leitura do post, tá escrito em vermelho, bem destacado, e inclusive tu pode acessar o link) e o árbitro, que anotou o incidente na súmula do jogo. E se o árbitro anotou, é bem provável que ocorreu.

    ResponderExcluir
  7. Amigo Rafael quem não prestou atenção foi você no que os outros escrevem.
    Ninguém aqui está dizendo que não teve a bomba, se o juiz viu e tah na sumula, teve, a questão é como aconteceu e aí a FCF e a polícia vão descobrir.
    Agora temos que ver que o juiz foi no vestiário antes e não viu nada, a torcida do marcilio tava bem longe pra jogar, em cima do vestiário só fica a torcida do visitante e a Rua sete estava fechada, apenas torcedores do Criciúma passavam.
    Como eu tive antes, como torcedor que leve minha família pra ver os jogos quero que descubram o que aconteceu pra não machucar ninguém.
    Leia melhor os comentários.

    ResponderExcluir