domingo, 1 de março de 2009

Festa do interior

Os times interioranos fizeram a festa no domingo. Os times da Capital foram surrados nos dois jogos, num placar acumulado de 9 a 3: foram 5 do Avaí em Chapecó e mais 4 do péssimo Figueira dentro de casa. Vamos por partes:

Chapecó: O técnico Silas, depois de tomar 4 do Ibirama, tinha dito que o time precisava de uma derrota daquelas pro time ser chacoalhado. Tudo bem, venceram três jogos seguidos mas não era garantia de disparada pro título. Tanto que o time foi pra Chapecó e tomou uma bordoada que só não vai doer na volta porque o retorno será de avião. A Chapecoense continua sensacional dentro de casa, e entra na briga pela vaga na classificação geral, com cinco gols de atletas que começam com B: Bruno Cazarine (3), Beá e Badé. O problema do Verdão é quando passa do trevo da BR 282: fora de casa o time não tem bons resultados.

Floripa: Se eu já estou irritado com a paciência da diretoria alvinegra, o que dizer do torcedor que vai ao Estádio. Que o Joinville era favorito para o jogo, isso era batata, pelo tamanho da ruindade do Figueirense. Agora, o jeito que o resultado veio foi mais decepcionante ainda pro alvinegro: ganhando de 2 a 0, o time do Pintado não só deixou tomar a virada, como tomou QUATRO de um JEC que tava sem o seu artilheiro em campo. E, ouvindo a entrevista do Baré, diretor de futebol do Figueira, dizendo que "o planejamento continua" com Pintado no cargo e o time de baixa qualidade, fico pensando: onde esse planejamento leva? para a série C? Segundona do Catarinense? Qual o caminho que o alvinegro quer seguir? Enquanto isso, o desespero do torcedor continua.

Tubarão: zebraça da rodada, com o empate do Tubarão com o Ibirama, com o detalhe que o time da casa estava na frente do placar até o finalzinho. O Atlético é como a Chapecoense, devendo muito um bom rendimento fora de casa. Mas não se esperava desperdiçar dois pontos contra a vaca morta do campeonato.

Briga pela classificação geral abertíssima: considerando que o Joinville vá ganhar o returno, ele e o Criciúma não brigarão pela vaga no Geral. Aí teremos Ibirama (22), Chapecoense e Avaí (19) e Brusque (17) brigando com duas vagas.

O campeonato acabou pro Figueirense. Uma coisa é ter chance matemática. Outra coisa é acreditar que esse time atual tem condições de alcançar a vaga.

5 comentários:

  1. Também considero a vaga em aberto, inclusive para o Brusque. Foi bom para nós o empate do Atlético. Temos dois jogos contra adversários diretos: Atlético e Chapecoense.

    O Brusque precisa fazer da partida em Joiville um jogo de vida ou morte. O mais importante do campeonato.

    Volto a insistir Suca: o time precisa jogar fechadinho com 3 volantes. Sair prá cima deles que tem um meio de campo e ataque bons dentro da casa deles é suicidio certo. o Brusque toma um balaio, como em Chapecó.

    Temos que fortalecer o setor defensivo, dominar o meio de campo e preparar um esquema para contra-atacar em bloco, com os alas e mais o Ailton, Bitencourt, Fattori e um dos volantes vindo de trás.

    O time vai ter uma semana para treinar. Defina logo a escalação e o esquema tático, comece desde terça-feira a montar esse ferrolho. Eles não vão conseguir furar, a torcida vai pressionar e nós vamos ganhar deles nos contra-ataques. É uma intuição minha.

    ResponderExcluir
  2. O Bittencourt tem que começar na reserva tá jogando pelo nome(o que fez no ano passado) Poxa o cara jogava bem pra caralho na ano passado, mas o ano passado são 3 meses atrás como pode desamprender??? É má fase, deixa na reserva pra entrar no segundo tempo o Fattori e o Aílton é notável que estão longe dos 100% fisicamente... Apesar de terem sido os dois melhores em campo. O Aílton mostrou uma inteligência, visão de jogo melhor que do Rafael.

    ResponderExcluir
  3. O Brusque perdeu a chance de classificação ontem. Pois não ganhar de um time que perdeu as ultimas 5 partidas e estava na zona de rebaixamento não tem perdão. E tem gente que ainda achou que o Brusque jogou bem ontem. Há vão se catar. Dos nove próximos pontos não vamos ganhar 3. Ou alguém ainda acha que com este ataque mediocre este meio campo que joga uma partida bem e três mal, nós vamos conseguir classificar? O Brusque vai chegar no final do campeonato brigandopara não cair, pois enquanto os times lá debaixo estão começando a reagir o Brusque esta em decadência e a comissão técnica perdendo a cabeça. Que baixaria ontem após a partida, era treinador, preparador físico, treinador de goleiros etc. brigando com a torcida. Coisa de várzea.

    ResponderExcluir
  4. Delfim, vê se toma um pouco de vergonha na cara.

    Todo mundo viu e sabe que esse Marco Antônio Martins veio a Brusque para ajudar o Marcilio a não cair.

    Vamos ficar de olho prá ver quantos jogos do Marcilio esse cara vai apitar. Mas vc ainda tem o Célio Amorim que com certeza vai dar mais uma mão. E tem mais gente, sabemos disso.

    E aquele monte de bandeirinhas, incluindo a sua sobrinha, que já veio a Brusque várias vezes pra anular gols do Brusque, marcando impedimentos inexistentes, e validar gols ilegais dos adversários do Brusque.

    Esperamos que os seus dias estejam contados.

    ResponderExcluir
  5. Ibirama/Chapecoense/Brusque/Avai:
    Desses 4 times, 2 se classificam. Apesar do monte de gols perdidos ontem, ainda temos chances! o jogo da vida do Brusque é contra o Joinville. Apesar de tudo, temos 2 confrontos diretos, Ibirama e Chapecoense. Eu acredito.

    ResponderExcluir