terça-feira, 17 de março de 2009

NEC acha outro destino: Timbó

Semana passada, citei aqui informação do "Diário do Sul" dando conta da ida do NEC, time de aluguel do Egon da Rosa, de Caçador para Rio do Sul. Mas o André Schroeder, o Pilo, do site Timbónet, informa que o destino poderá ser outro: Timbó, cidade que teve o Grêmio no ano passado, que acabou rebaixado. Confira a matéria:

Está pra ser sacramentada a qualquer momento a parceria envolvendo o União, de Timbó, com o Navegantes Esporte Clube (NEC) para disputar a Divisão Especial Catarinense (Segundona), a partir de julho próximo. A informação nos chegou do dirigente do vermelhinho timboense, Sérgio Rodrigues (foto), que, via telefone, nos garantiu que o acordo irá beneficiar ambos os clubes. A estreia inclusive já estaria programada para o dia 13 de julho, contra o Concórdia, no Meio-Oeste barriga-verde.


E o time de aluguel acha outra casa. Vou tentar entrar em contato com o Denílson, presidente do Caçador, pra saber o que eles vão fazer.

8 comentários:

  1. Antigamente, no tempo do Renaux e Paysandú, existia em Itajaí o Clube Nautico Alm. Barroso.

    Tinha um estádio central em Itajaí, e não muitos anos atrás (talvez 2 ou 3 anos), tenho lembrança que passei perto do estádio. Posso estar enganado, mas acho que ainda existe.

    Para o NEC o ideal seria ver se esse estádio ainda existe, ver se é possível colocar em condições e fazer uma parceria com o clube.

    O campo e arquibancada são ou eram similares às do Paysandú, muito melhores portanto que as de Timbó.

    Fica muito mais perto e a torcida de Navegantes poderia prestigiar o time.

    /mfrv

    ResponderExcluir
  2. Rodrigo saiu as formulas da série C e D: http://www.cbf.com.br/sitenoticias/_950018502009317.html
    "Série D:
    Serão 10 grupos de quatro clubes cada (em lugar de oito grupos de cinco), definidos regionalmente, classificando-se dois por grupo; seguem-se disputas eliminatórias (na sequência 20/10/8/4/2 clubes) até que se conheça o campeão. Os quatro clubes que ascenderão à Série C serão os semifinalistas da Série D. "


    Duas observações: mudaram (ainda bem) de 8 grupos de 5 para 10 grupos de 4. Só que na sequencia está errado o arranjo de clubes nas fases eliminatórias: "20/10/8/4/2" mas na real são 20/10/5 e daí como fica? ou vão classificar mais 3 por indice técnico?

    ResponderExcluir
  3. Ano passado eu já me perguntava se o Caçador seria prejudicado, e realmente foi, já que, agora o Caçador terá que jogar a terceira divisão, enquanto que, se o time tivesse subido, a vaga para a elite seria do Navegantes, e não do Caçador. Mesma situação vai acontecer com o União: se o União nem cair ou subir, o beneficiado é o Navegantes, detentor da vaga, enquanto que, independente do que acontecer no campo, em 2010 o União NÃO TEM VAGA garantida em nenhuma divisão estadual. Esta seria uma questão interessante a se perguntar pros presidentes do União, do Nec, e também do Caçador (que ao meu ver acabou se ferrando bonito na história).

    ResponderExcluir
  4. O campo do Barroso ainda existe e muito bem cuidado, serve para treinos das escolinhas de futebol.
    Agora resta saber se o pessoal de Itajaí quer o sr Egon lá, em Navegantes eu duvido.
    Ainda falando no Barroso, tem um documentário bem interessante que conta a história da rivalidade entre o Clube Náutico Almirante Barroso e o Clube Nautico Marcílio Dias.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. Vc poderia dizer onde posso conseguir esse documentário?

    /mfrv

    ResponderExcluir
  6. sergio rodrigues era o supervidor do brusque campeão em 1992... la se vai 17 anos...

    ResponderExcluir
  7. Não peguei os tempos aureos do CACR. Mas cheguei a ver jogar qdo era criança, da metade da década de 70 em diante. Nessa época, o futebol de SC já não era mais tão forte.

    Mas teve tempos muito melhores. Nas décadas de 50/60, por exemplo, existiam pelo menos 2 times fortes em todas nas cidades daqui do Vale (BQ, BL, IT), e ainda Joinville, Tubarão e Criciuma.

    Joinville tinha o Caxias, tetra-campeão estadual, e América, tbém campeão. Timaços.

    Itajaí tinha o Mercilio e o Barroso. Marcilio foi campeão estadual uma vez. Times fortes, muito difíceis de serem batidos.

    Blumenau tinha o Olimpico e Palmeiras, sendo o Olimpico várias vezes campeão estadual (duas ou três vezes, se não me engano).

    Brusque tinha o Renaux e Paysandú. O Renaux bi-campeão estadual, e vice algumas vezes. E o Paysandú, vice-campeão estadual.

    Tubarão tinha o Hercilio Luz e o Ferroviário. Hercilio Luz tri-campeão estadual. Duas vezes em cima do Renaux (53 e 58 se não me engano). Se o Renaux não tivesse perdido esses dois títulos para o Hercílio, seria tetra campeão estadual. E ainda o Ferroviário, também sempre muito forte.

    Criciuma tinha o Metropol e Comerciário. Metropol ganhava quase todas naquela época. Sobrava muito pouco para os 3 times de Florianópolis, Paula Ramos, Figueirense e Avaí.

    Só ai nessas cidades, são 15 times fortes. Sem contar o alto vale, planalto e oeste catarinense, que também tinham times fortes.

    Enfim, vc podia fazer um campeonato com 20 times fortes e ainda iam ficar uns 5 bons fora.

    A história do futebol catarinense e do futebol do Vale do Itajaí são magnificas. Na década de 50, qdo não existia campeonato brasileiro, as competições nacionais eram entre as seleções estaduais.

    O time do Renaux era tão forte que em 1954 foi designado para representar a seleção catarinense. E eliminou a seleção do Paraná e ganhou da seleção gaucha de 2 a 1, lá na casa deles. O Renaux foi notícia em todos os jornais do Brasil.

    Bons tempos. Sou saudosista e torço para que um dia volte. Torço pela volta do Barroso, Hercilio Luz, Caxias de Joinville, Paysandú e todos os outros times. Para mim, o BFC é uma continuação do CACR. O caxias tentou voltar dois ou tres anos atrás. O Hercilio vai disputar a segundona nesse ano.

    O futebol de Brusque poderia voltar a ser forte. Alguns não enxergam que o BFC pode resgatar a história e a tradição do Vovô. E ficam atrapalhando a FUSÃO.

    Com a fusão, o BFC e Renaux poderiam construir a Arena ali no centro, naquele mesmo local, que é o ideal. Todos já viram que as arenas devem ser preferencialmente no centro das cidades, para explorar outras atividades comerciais e de serviços em conjunto.

    A Arena poderia ser construída junto com um shopping com lojas no térreo (onde hoje é o muro) e nos andares superiores. E explorar o aluguel daquele ponto fantástico, que poderia ter lojas, restaurantes, bares, academias de ginástica, bolão, Salaão de festas, etc.

    Torço pela volta de um futebol forte em SC.

    /mfrv

    ResponderExcluir
  8. "o arranjo de clubes nas fases eliminatórias: 20/10/8/4/2 mas na real são 20/10/5 e daí como fica? ou vão classificar mais 3 por indice técnico?"

    Perfeita a tua colocação. Eu acredito que devam se classificar 3 por índice técnico, como vc falou. Isso melhora pra todos pq aumenta o número de jogos. Se os caras forem um pouco espertos, tevem ter feito isso.

    /mfrv

    ResponderExcluir