quinta-feira, 12 de março de 2009

O cenário da briga

Um rápido resumão da rodada, onde mais definições acontecem, faltando 4 rodadas para o final do returno (JEC x Ibirama jogam hoje, no maravilhoso horário das 21:45):

Lá em cima: Avaí passa a Chapecoense na classificação geral e garantiria a quarta vaga, com 2 pontos de vantagem sobre o time do Oeste. Ali, a briga está aberta. Em caso de derrota do JEC hoje, a briga pelo título do returno também abre, com os três brigando pela vaga com ponto extra.

Figueirense e Brusque entram na "zona da pasmaceira": o Figueira, que venceu o Metropolitano nos descontos,assume a sexta colocação e também espanta o fantasma do rebaixamento. Os dois cumprirão tabela na reta final.

Lá em baixo, Metropolitano e Marcílio brigam pela última vaga na Segundona de 2010: o Metrô perdeu a chance de dar uma fugida e hoje a diferença entre os dois é de três pontos (14 MET e 11 MD), sendo que, em caso de empate, a vantagem é do Marcílio que terá uma vitória a mais. O Metrô tem uma final de campeonato contra o JEC, em casa, no domingo. Se perder, será ultrapassado pelo marinheiro (4 vitórias contra 3), que vencerá o Tubarão em um Dr. Hercílio Luz vazio.

3 comentários:

  1. Brusque não podia ter empatado com o Marcílio não não...

    ResponderExcluir
  2. É o que eu falei, é só detalhes, pega o empate contra o Ibirama + Marcílio + Chapecoense, isso com as 3 vitórias que muito bem poderia ter vindo, pois jogamos melhor e criamos muitas chances de gol, estariamos com 24 pontos, pois perdemos 6 pontos paupavel, nesses 3 empates.

    ResponderExcluir
  3. Cara, ando tão desanimado e pessimista com o Marcílio, que estou começando a achar que não vamos vencer o Atlético Tubarão. Não me surpreenderia com um empate.

    ResponderExcluir