domingo, 27 de setembro de 2009

Copa SC: qual é a conta, Capella?

Ontem, o diretor jurídico da FCF, Rodrigo Capella, deu uma declaração ao "AN" que ainda procuro explicação (aliás, faltou a matéria explicar). Segundo ele, dá tempo para que campeão e vice da segundona participem da Copa Santa Catarina mesmo com todo esse atraso devido aos julgamentos: "Se conseguirmos que o caso seja julgado no dia 8 (no STJD), teremos datas para concluir a Especial e viabilizar a participação de ambos na Copa SC".

Estou tentando entender a conta do Capella. São necessárias oito datas (seis para o quadrangular, mais duas para as finais) para que a Divisão Especial se encerre. Considerando que o STJD dê a palavra final no dia 8 (quinta-feira), é possível que a FCF marque a primeira rodada para o domingo, dia 11, uma semana antes do início da Copinha. Mesmo se o estatuto do torcedor for rasgado e a Federação marque um jogo a cada dois dias, teríamos uma final no dia 25 em condições sub-humanas, onde a qualidade técnica seria comprometida seriamente.

A Copa SC acontecerá com rodadas às quartas e domingos, e colocar os times para jogar a viajar a cada dois dias (incluindo os times da Especial, fisicamente esgotados) para que a tabela da Copa dê conta de um possivel adiamento do início é inadmissível.

Não tem como enfiar os times da Especial na Copa SC sem que sejam seriamente sacrificados o clubes e os atletas.

2 comentários:

  1. Presidente Danilo, Dr. Camargo e direção do Bruscão: é inaceitável essa fórmula.

    É preciso marcar uma reunião urgente da Associação de Clubes. A FCF vai tapar o rombo de 1 mes a mais de salários sem jogos??

    Fórmula correta: 8 clubes com jogos de ida e volta, mantida a mesma data de início. Precisa de 7 semanas, não prejudica os clubes e aumenta a receita.

    ResponderExcluir
  2. Se não mudar essa forma o Brsuque vai ficar devendo dai se vai o Campeonato Catarinense 2010.

    ResponderExcluir