quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Perdeu quando não podia, mais uma vez.

O Figueirense entrou pressionado no campo em Natal, sabendo que o Atlético-GO vencia seu jogo contra o Ceará, e precisava vencer o América para manter a distância de dois pontos na classificação.

Deu tudo errado: o time não rendeu, teve um jogador expulso, tomou três bolas na trave e perdeu o jogo no finalzinho.

O primeiro tempo até considerei parelho, já que o América também tinha um enorme interesse no jogo, já que está na briga contra o rebaixamento. Mas no segundo tempo o alvinegro parece que tomou o rumo contrário ao que devia fazer: ao invés de pressionar o Dragão, acabou sendo pressionado, e jogou como aquele time que não tem mais interesse algum no campeonato, que só joga pra cumprir tabela. Tomou um gol no finalzinho, e, diga-se de passagem, foi uma vitória justa do América pelo que foi mostrado em campo.

Batendo na mesma tecla: a irregularidade, mais uma vez, foi o inimigo do time, que está bem perto de passar mais um ano na Série B. Não foi em Natal que a situação se estabelecer. Basta contabilizar os pontos perdidos dentro de casa.

Faltam três rodadas, e a reza tem que ser muito grande.

Um comentário:

  1. O Figueirense merece voltar para pagar a dívida da Série C e B, onde eles subiram da C para a B pela Janela e da B para A pelo Tapetão.

    Flavinho.

    ResponderExcluir