sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

FCF perdoa dívida de 60 mil do Marcílio Dias

Há um tempo, postei aqui no Blog uma notícia do "Diarinho" sobre uma sala pertencente ao marinheiro, onde funcionava uma lanchonete, que tinha o seu aluguel pago na Federação, a título de pagamento de dívidas passadas. Pois bem, o aluguel da dita lanchonete vai voltar a ser pago ao Marcílio, e a FCF perdoou uma dívida de 60 mil reais do clube. É o que diz a matéria do "Diarinho" de hoje, dentro da sua linguagem peculiar:

Pode-se dizer que o DIARINHO fez uma boa ação ao Marcílio Dias, pra não dizer que fez o clube ganhar mais uma graninha. Após publicar, em setembro, que uma sala do centro comercial que pertence ao clube tinha sido “dada” à federação Catarinense de Futebol (FCF) pra quitar uma dívida de 10 anos atrás, e que o aluguel ia pro bolso de Delfim e Cia., finalmente a novela acabou. Neste caso, com final feliz pro Marinheiro. E bota feliz nisso.

Na quarta-feira, na sede da FCF, em Balneário Camboriú, o presidente do Marcílio Dias, Abelardo Lunardelli, foi comunicado por Delfim Pádua Peixoto Filho, presidente da federação, que a tal sala, onde hoje funciona a lanchonete D’Graus, voltará a ter o aluguel encaminhado pro clube, e não mais pra federação.

Além disso, foi perdoada a dívida antiga que o clube tinha com a entidade que manda no futebol catarinense há uma década, com relação às taxas de arbitragem. O quero-quero, que tá de férias por causa da falta de jogos no Gigantão, contou que a dívida chegava a 60 mil reales. “Ficou acordado que a dívida do passado, com exceção da deste ano, fica quitada e que a sala que pagava o aluguel direto para a federação Catarinense de Futebol fará o pagamento agora para o Marcílio Dias”, diz Abelardo, que relatou coisas boas do encontro com Delfim. “A reunião foi muito boa, amistosa, com resultados muito bons para o Marinheiro”.
Concordo que o aluguel da dita sala deve ser paga ao Marcílio. Mas, se a FCF perdoa uma dívida, ainda mais de um valor tão grande, teria a obrigação de também perdoar a de outros clubes, ou não?

6 comentários:

  1. só acho q perdoar naum é o termo certo pro barbudo e pro diarinho falar, até pq 10 anos de aluguel mais que paga essa dívida

    ResponderExcluir
  2. Ainda assim, muitas pessoas insistem em afirmar que o presidente da Federação Catarinense de Futebol, Delfim Pádua Peixoto Filho, não é marcilista. Eis aí mais uma prova que, em tese, reafirma que o velho e barbudo, que anda de camisa aberta e fuma o cachimbo da discórdia, é ferrenho torcedor do Clube Náutico Marcílio Dias.

    ResponderExcluir
  3. Federação Catarinense de M... mesmo !

    Soh aqui em SC que os clubes "pequenos" tem que pagar bola, arbitragem, etc etc etc....futebol gaucho times do interior não pagão nada disso..... e ainda assim a coisa é dificil..... imagina aqui em SC com essa M... de federação como a coisa é complicada para os clubes pequenos....Quanto a divida do Marcilio.... como o Rodrigo mesmo disse, sera que divida de outros clubes tbm vão ser futuramente perdoadas ou é pq o presidente da federação é Marcilista roxo que fez isso por pura imposição ???? O Marcilio que se acha tão grande e poderoso n tinha 60 mil para pagar divida ???? Se fosse o Brusque, Juve, Ibirama, entre outros até concordo agora......perdoar do Marcilio !!!?!?!? Ta me cheirando NOVAMENTE a mutreta do Barbudo !

    E é assim......fudidos sem grana e mal pagos mas não perdem a pose de gigantão do vale !

    Que piada....

    ResponderExcluir
  4. Os 100 anos estão chegando. Ele vai voltar!

    Sport Clube Brusquense, Bi-Campeão Estadual, Tri-Campeão da ASVI e Hepta-Campeão da LBF. Tradição, Patrimônio e História. Não deve a ninguém.

    Marcilio: apenas 1 título Estadual, perdeu todos os campeonatos da ASVI (Assossiação Sportiva Vale do Itajaí) para o SCB. O estádio é da prefeitura.

    As indústrias de Itajaí são de fora, e não querem saber do Marcilio.

    ResponderExcluir
  5. o q? o calo reno ( ou brusquense) vai voltar?

    tem cada louco...

    vai ser q nem da ultima vez.

    pelo amor de Deus tirem isso da cabeça.

    essas coisas de trazer o reno e paysandu, no inicio da decada quase acabaram com o BFC e com o futebol em nossa cidade. ficamos um ano em futebol (2003)pq ninguem queria ceder o estadio pro bfc e quando voltamos estavmos na terceirona.

    ResponderExcluir
  6. f...-.. o bfc
    tomara que caia pra quarta divisao

    como pode existir um clube sem patrimonio?

    vão arrumar campo pra jogar la em gaspar

    ResponderExcluir