sábado, 13 de junho de 2009

"Clube da Bola" ignora o Brusque por completo

Hoje, o "Clube da Bola" da RIC discutiu durante um bom tempo a participação dos clubes catarinenses no Campeonato Brasileiro das quatro séries.

O programa trouxe o meu amigo Sérgio Badá falando da Chapecoense, e inclusive se falou em organizar um torneio entre os "cinco" clubes do Estado que participam do Brasileirão.

Cinco não pessoal, são seis. Estão ignorando o Brusque completamente. Só a Chapecoense representará o Estado na Série D?

O pior é que tanto a RIC quanto a RBS Blumenau não estão fazendo cobertura alguma do Brusque, que é o representante da sua área de cobertura no Brasileirão, preferindo a cobertura de campeonatos de futebol society.

Mas se o Metropolitano tivesse na Série D, aí seria uma festa.

Vergonha na Segundona: Concórdia vence o NEC por WO

E a Segunda Divisão do Estadual começou em grande estilo: o jogo Concórdia x Navegantes, em Concórdia, acabou não acontecendo. O time do NEC chegou ao Estádio Domingos Machado de Lima atrasado, e com apenas cinco jogadores, dois abaixo do mínimo de sete.

O Presidente do NEC, Egon da Rosa, primeiro disse à imprensa presente que a outra parte do time estava em outro ônibus que quebrou na estrada. Depois, admitiu que não houve tempo hábil para fazer a inscrição dos jogadores, por causa do feriado de quinta-feira.

Quem pagou para ver o jogo poderá assistir à partida seguinte do CAC com o canhoto do ingresso de hoje.

Egon da Rosa aprontando das suas... Todos os times tiveram tempo de inscrever os jogadores, menos o dele. E apareceu com cinco jogadores pra não perder por WO, o que poderia causar a eliminação do campeonato. Agora, está nas mãos do TJD.

Que os auditores olhem com carinho esse caso e resolvam dar uma punição exemplar pra quem acha que futebol profissional é brincadeira. O Concórdia, que não teve nada a ver com a história, vai ter um tremendo prejuízo, e o NEC vai sair ileso.

Nos outros jogos de hoje, o Imbituba bateu o Camboriú por 3 a 1 e o Videira empatou com o Próspera em 1 a 1.

O milésimo post do Blog

Este é o post de número 1000 deste Blog, que tem pouco mais de um ano.

É apenas uma marca que esse espaço está superando, mas com a certeza de que o trabalho vai continuar.

Obrigado a todos pelo enorme número de acessos, de todo o Estado e de várias partes do Brasil. Cada dia me surpreendo mais com a audiência desse desprentencioso espaço.

E vamos em frente!! Abraços, Rodrigo.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Confirmadas mais 3 datas do Showbol

A Organização do Showbol divulgou mais três datas do Brasileiro que precisavam de confirmação de local. Ituporanga receberá os jogos pela segunda vez. Os jogos são:

Ter 23/06 - Ituporanga - 18:40 - Atlético x Internacional e 19:40 - Vasco x Flamengo
Qui 25/06 - Lages - 18:40 - Internacional x Flamengo e 19:40 - São Paulo x Vasco
Sex 26/06 - Caçador - 18:40 - Vasco x Atlético e 19:40 - São Paulo x Santos

Conheça a Segundona: Joaçaba

JOAÇABA ATLÉTICO CLUBE
Fundação: 27 de fevereiro de 1997
Cores: Azul, Amarelo e Branco
Estádio: Oscar Rodrigues da Nova - 5.500 lugares
Presidente: Luiz Carlos Coelho
Técnico: Valcir Rebelatto


O Joaçaba terminou o Campeonato do ano passado mergulhado em vários problemas financeiros, o que colocou em dúvida a sua participação em 2009. Após promessas e discussões, o time vai pra briga, mas com uma modestíssima estrutura. O primeiro problema: o estádio municipal Oscar Rodrigues da Nova está interditado a pedido do Ministério Público da cidade, que questionou as condições de segurança do local. A Prefeitura teve que assinar um termo de ajuste de conduta (TAC) se comprometendo a não liberar jogos lá enquanto não resolverem os problemas. A lista é grande e você pode ler clicando aqui, no Blog do MP joaçabense.

Vamos pro time: o JAC definitivamente vai lutar pra não cair pra Divisão de Acesso. O técnico é o estreante Valcir Rebelatto, que tem experiência no Futebol Amador, no comando do Juventus de Seara. O elenco é formado na sua maioria por jogadores vindos do amadorismo e outros que já passaram pelo próprio JAC, caso do atacante Douglas. Some-se aí os joadores Gil, Bob e Gutinho, que disputaram a segundona do ano passado pelo Concórdia.

Ainda que o Futebol de Joaçaba tenha tradição e mereça estar em um bom lugar, não há envolvimento do empresariado local com o clube. A nova administração municipal também faz seu desserviço, não deixando o Estádio Municipal em condições e obrigando o clube a mandar seus primeiros jogos em Videira, o que vai ser prejuízo na certa. É um time que não brigará pelas primeiras posições.

Juniores do Brusque não saem do zero com o Tubarão

Zebraça. Na tarde deste feriado, aconteceram os jogos entre Brusque e Tubarão pelos Estaduais de Juvenis e Juniores.

No primeiro jogo, tudo tranquilo, Brusque 3 a 0 nos juvenis com sobras.

No jogo de fundo, os juniores do Bruscão não tiveram competência de vencer um time que tomou 21 gols em três partidas, sendo a última um 9 a 0 do Criciúma. Jogo feio, que ficou no zero a zero. O Tubarão festejou como final de Copa.

NEC em Camboriú?

Gente, tá complicado de achar alguma informação do NEC pra fazer o "Conheça a Segundona" deles. Não acho um telefone, um artigo na internet, nada... Acho que vou ficar devendo.

Aliás, achei uma coisa sim: como foi informado aqui e em outros lugares, o Navegantes confirmou que vai mandar seus jogos no Estádio Municipal de Balneário Camboriú. Mas o Zélio Prado, ex-assessor do Delfim na FCF, contou outra história na sua coluna no "Diarinho" de quarta:

Conversei com o diretor técnico da fundação de esportes de Balneário Camboriú, Mello Filho, e perguntei se o Navegantes vai mesmo mandar os seus jogos pelo Catarinense da Divisão Especial no estádio das Nações, em Balneário Camboriú. A resposta foi curta e grossa: “Não”. Aí perguntei como não, se até vistoria no estádio já foram feitas pela Federação Catarinense de Futebol. A resposta foi a mesma: “Aqui ninguém sabe de nada”. Que coisa!

Agora não tou entendendo mais nada. Se não liberaram, como foram fazer vistoria?

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Conheça a Segundona: Camboriú

CAMBORIÚ FUTEBOL CLUBE
Fundação: 11/04/2003 (como SD Camboriuense)
Cores: Verde, Laranja e Branco
Estádio: Roberto Santos Garcia - 3000 lugares
Presidente: José Henrique Coppi
Técnico: Luiz Gonzaga Milioli


O Escudo é igual, só mudou o nome. Visando uma melhor visibilidade, o time da Capital do Mármore trocou o confuso "Camboriuense" pelo nome da cidade. A Cambú já bateu na trave várias vezes, chegou a meter cinco no JEC dentro da Arena, mas não conseguiu o acesso. Dessa vez, vai de novo, e entra em condição de favorito. Em outros anos, o time contava com a parceria com o ex-jogador Valdo, que ia desfalcando o time com o passar das rodadas. Nesse ano, ele não está no esquema. O Presidente é outro, e o projeto é para subir.

O técnico foi bem escolhido: Luiz Gonzaga Milioli (foto), que dispensa apresentações no futebol catarinense. Ele está montando um time experiente, que conta com vários ex-jogadores do Atlético de Ibirama: Márcio, Robinho, Flávio Luiz e Sérgio. Além deles, compõem o time o meia Edson Rosa, Ex-Marcílio e Brusque e o atacante Carlinhos, ex-Cidade Azul e Brusque.

Como se vê, o Camboriú montou um time baseado em jogadores rodados, para finalmente conseguir o acesso. Depois de tantos "quases", uma hora o acesso vai chegar pra Cambú. Na minha conta, é um dos favoritos, a menos que comece a desmontar o time com o campeonato em andamento, como aconteceu em outros anos. Será que agora vai?

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Conheça a Segundona: Próspera

ESPORTE CLUBE PRÓSPERA
Fundação: 29 de março de 1946
Cores: Vermelho, Verde e Branco
Estádio: Mário Balsini - 5000 torcedores
Presidente: Celso Tadeu de Menezes
Técnico: Alexandre Lopes


O Próspera é um time que conta com a simpatia de toda a cidade de Criciúma. O "time da raça", que leva o nome do bairro que fica na entrada da cidade, tem 63 anos de vida (é mais anrigo que o próprio Criciúma), disputou a primeira divisão em 2007, mas foi rebaixado por uma escalação irregular, e não subiu mais.

O clube há alguns anos disputa o campeonato amador criciumense, a Taça Cecrisa, representando o time do Nossa Senhora da Salete. A competição serve como aquecimento para a Divisão Especial. Recentemente, o departamento de futebol foi terceirizado para a empresa Mondardo Sports, de Edmilson Mondardo, ex-atacante do Tigre na década de 80. O time havia começado o trabalho sob o comando de Luiz Gonzaga Milioli, que foi para o Camboriú. Assumiu o seu auxiliar, Alexandre Lopes, ex-zagueiro de Tigre e Corinthians.

O time não tem muitos jogadores conhecidos. Os principais são o goleiro Júlio e o volante Giovani, vindos da base do Tigre, e o lateral Felipe, da base do Figueirense. O Prospinha está longe de ser considerado um candidato ao título, mas tradicionalmente não faz feio.

terça-feira, 9 de junho de 2009

Juventus quer contratar "Figurão"

O Juventus planeja contratar um nome famoso para a disputa da Segundona, que começa sábado. O clube já tentou contratar o volante Amaral, ex-Palmeiras, sem sucesso.

Hoje, tive uma informação que o zagueiro Júnior Baiano, de 39 anos, que jogou o carioca pelo Volta Redonda, estaria em conversações com o Moleque.

Será?

Brusque contrata goleiro. Atacantes chegam nesta semana

Hoje, o Brusque fez uma pequena apresentação da nova cozinha do clube, construída sob as descobertas do Augusto Bauer. O assunto nas rodas não poderia ser outro: contratações para a Série D.

Um nome foi confirmado. Chega na quinta o goleiro Vanderlei (na foto, no chão, em jogo do São Luiz contra o Inter), ex-jogador de Itamar Schulle no Juventus de Jaraguá do Sul, que virá para disputar vaga com Alessandro.

As negociações dos atacantes continuam. Hoje, a diretoria tentou Marcos Denner, que foi dispensado ontem pelo Caxias. O Empresário Sandro Glatz ofereceu Ricardo Lobo, que tem vínculo com o Metropolitano. Correm por fora Bruno Lopes, ex-Juventus, e Vagner Carioca, que fez o gol do título do Criciúma em 2005, e que estava no futebol paulista. Diretores afirmaram que pelo menos dois atacantes chegam até sexta.

Conheça a Segundona: Concórdia

CONCÓRDIA ATLÉTICO CLUBE
Fundação: 02 de março de 2005
Cores: Verde, Vermelho e Branco
Estádio: Domingos Machado de Lima - 8000 lugares
Presidente: Neudi Wunder
Técnico: Joseilton de Almeida



A campanha do CAC no ano passado foi marcante. Com uma estrutura modesta, o bom time do técnico Ilton foi longe, ficando só atrás do Brusque e do Juventus. Na última vez que falei com o ex-presidente Camargo, disse pra ele: "continue com esse trabalho, que vocês vão subir com certeza".

O treinador permaneceu, e o Concórdia aposta na mesma receita do ano passado: um time de baixo custo, mas que busca qualidade. Poucos jogadores permaneceram do ano passado, caso do zagueiro Sig e do bom meia Junior. O goleiro Dida, ex-Ibirama e Joaçaba, é o camisa 1 da equipe.

Na minha opinião, o maior inimigo do Concórdia está dentro da cidade: pouca gente dá bola para o time, que vive na sombra da equipe de futsal, que leva bom público para os Ginásios. O público nos jogos no Estádio Municipal é sempre pequeno, e nem as rádios locais prestigiam o time do CAC. A primeira coisa que é necessária para que o Concórdia seja grande é que a cidade esteja envolvida em cima dele. Com torcida e imprensa comprometidas com o time, ele leva consigo o empresariado, e aí o clube poderá ser forte.

Entra no campeonato como uma incógnita, pois vários dos seus jogadores são desconhecidos. Mas, se a receita do ano passado se repetir, com as contratações de bom custo-benefício, poderá surpreender.

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Santa Catarina Vôlei se apresenta, e tem até escudo

Acima, o brasão do "Santa Catarina Vôlei Brusque-Pomerode", novo time de voleibol feminino montado na parceria das duas cidades. Hoje, os trabalhos começaram com uma reunião entre as atletas, que serão comandadas por Rogério Portela, que era auxiliar de Maurício Thomas na Brasil Telecom. Hoje, uma contratação foi anunciada: a oposta Tandara, que veio do Pinheiros.

Catarinense é novo técnico da Seleção de Futsal

Após a não-renovação do contrato de PC de Oliveira, ficou o suspense quanto à escolha do novo treinador do atual campeão mundial. O suspense acabou ontem, quando o criciumense Marcos Sorato, o Pipoca (foto) , que foi auxiliar de PC no Mundial, foi convidado a ocupar o cargo, e aceito.

Ele fez hoje a sua primeira convocação, para o Grand Prix de Futsal, que acontcerá em Goiânia, a partir do dia 27. Ele convocou os mesmos 14 jogadores que conquistaram o mundial.

Boa sorte pra ele.

Conheça a Segundona: Hercílio Luz


HERCÍLIO LUZ FUTEBOL CLUBE


Fundação: 22 de dezembro de 1918
Cores: Vermelho e Branco
Estádio: Aníbal Torres Costa - 12000 lugares
Presidente: Édio Braz Ricardo
Técnico: Vitalino Barzotto (Grizzo)



Pelo menos nos amistosos antes da estreia na Segundona, o Hercílio Luz vem dando pinta de favorito. Venceu o Criciúma, e goleou o Próspera ontem. A estrutura do clube é boa, com o Estádio Aníbal Costa em excelentes condições. No ano passado, o Leão do Sul não fez boa campanha. Neste ano, mesmo sem contar com grandes nomes, quer surpreender. Os resultados dos amistosos o credenciam pra isso.

Fora de campo, o técnico é Grizzo, ex-Criciúma, Avaí e Botafogo, que dirigiu o Imbituba nos últimos dois anos, com boas campanhas. É um treinador que tem futuro. Conta com um elenco capitaneado pelo incansável zagueiro Jairo Santos, aquele mesmo ex-Criciúma, que nos seus quase 40 anos não parece dar sinais de pendurar as chuteiras. O ataque é formado por Edson Bugrão, atacante com passagem inexpressiva pelo Marcílio Dias, e um jogador com nome inusitado: Fusca.

O Hercílio mostrou o seu cartão de visitas, e se estruturou não só para subir, mas para tentar levantar a autoestima do torcedor tubaronense, que só viu insucessos depois do fim do Tubarão FC, em 2006. O rebaixamento do Atlético Tubarão deixou espaço para o Leão ocupar. Basta ter competência. Pra mim, o time não tem o melhor elenco da Segunda Divisão, mas Grizzo pode tirar essa diferença no conjunto.

domingo, 7 de junho de 2009

Empatite Aguda

Quarto empate em cinco partidas, e o Avaí está figurando pela primeira vez na Zona de Rebaixamento do Brasileirão. Falta muito jogo pela frente, mas hoje, também pela primeira vez, senti que o Avaí venceria a partida, mas não conseguiu. A classificação e a circunstância da primeira vitória que não aparece preocupa, mas o fato do jogo ter sido contra o atual tricampeão atenua tudo. O São Paulo comemorou o empate.

Silas comemorou o resultado (disse em entrevista que tem um "elenco vencedor" nas mãos), o São Paulo também. Mas acho que a primeira vitória demorou demais, justamente pelo fato que, enquanto ela não acontecer, aquela lua-de-mel com a Série A, onde tudo é lindo e maravilhoso, vai continuar, e o Leão não vai se focar no campeonato em si.

A tese de Silas poderá ser comprovada no domingo que vem. Se jogou tão bem e empatou com o São Paulo, é de se esperar uma vitória contra o Barueri, não?

A derrota em Imbituba

Olha gente, não dá pra tirar conclusão nenhuma do time do Brusque em cima do desempenho no amistoso contra o CFZ Imbituba, na inauguração do Estádio Emília Rodrigues. O técnico Suca começou a definir um desenho do time que quer, mas ele está muito, mas muito aquém do que se espera pra uma Série D.

O time titular foi esse: João Ricardo (Alessandro está contundido), Nequinha, Marcelo, Alex e Eduardo. André Luiz, Claudemir, Rafael Bittencourt e Leo Maringá. Felipe Oliveira e Ricardo. Vi um time "travado" em campo, com muitos erros de passes, alguns com limitações físicas e sem padrão tático. Não há nada a condenar. Falta um mês pra Série D começar, e isso é normal. Tanto Suca como os jogadores sabem que o time tem muito pra melhorar. E a gente espera ver essa melhora.

Perder agora pode. A partir de 5 de julho, não mais.

Os lances do jogo você vê nesta segunda na TV Brusque.