sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Esses horários... e Clássico às 19:30

Tem torcedor bufando em vários locais com a tabela do Campeonato Catarinense. Adaptada à televisão, ela relega o torcedor, aquele que faz o espetáculo nas arquibancadas, a terceiro plano. Tem jogo em tudo que é horário: sábado a noite, segunda à noite, quarta em horário que as Rádios estão com Voz do Brasil... Enfim, é bom todo torcedor olhar bem a tabela pra não perder o horário do jogo do seu time.

Mas tem um jogo em especial que merece atenção, já que envolve o clássico Avaí x Figueirense, que merece esquemas especiais de trânsito e segurança a cada vez que acontece. O jogo do primeiro turno, no Orlando Scarpelli, na 6a. rodada, será as 21:50h de uma quinta-feira, dia 04/02. Ou seja: horário de TV Aberta para um jogo com transmissão do pay-per-view. O povo vai chegar tarde em casa.

Agora, o confronto do segundo turno, na Ressacada, é uma piada. Gostaria de saber como alguém marca um clássico para as 19:30 de quarta-feira (24/03) . São vários os motivos: o trânsito do Sul da Ilha nesse horário é insuportável. Muitas pessoas que trabalham até 18 horas terão muitas dificuldades para chegar ao Estádio a tempo. Ou seja: não dá, é um desrespeito completo ao torcedor e a imprensa, onde as rádios só começarão a transmitir lá pelos 30 minutos do primeiro tempo. Tá certo que o PFC está pagando, que a televisão tem o direito de mudar o horário de um jogo, mas marcar um clássico para tão cedo é desmerecer o tamanho e a importância do maior clássico de Santa Catarina.

Ainda há tempo para usar o bom senso e mexer nisso, Federação.

3 comentários:

  1. bem feito quem mandou vende pra rbs e pfc sem ter os horarios e jogos ja estipulados. quando q os clubes brasileiros vao aprender a vender seus horarios na tv? deveriam aprender com a turma da NBA, MLB, NFH, campeonato espanhoel, etc.

    ResponderExcluir
  2. Isso é uma vergonha, PFC põe o horário que quiser, ele não tem programação, já é ridículo jogo as 21h45 por causa de novela. Essa cultura brasileira de jogo 16h e 21h45 é um crime contra o torcedor, já existem preços diversos abusivos na capital como 30 reais no Scarpelli e uns 50 na Ressacada, pra que? Torcedor pega chuva e sol sempre, policia violenta, festas de qualquer tipo são proibidas (até papel picado é considerado perigoso), trânsito simples de resolver pela PM que só sabe olhar de braços cruzados e a hora que ocorrem filas sai metendo borracha na torcida, organizadas mercenárias de dirigentes... Enfim, FCF e Polícia mandam e desmandam no nosso futebol e os clubes são reféns por causa de patrocínios como a TV e não reclamam de nada. O que sobra são as torcidas, que preferem ficar de birra entre si do que fazer como em muitos países da europa onde torcidas rivais de juntam pra protestar contra esse tipo de atitude (que não poucas).

    ResponderExcluir
  3. Detalhe que dia 23 de março vespera do classico é feriado em Florianópolis.

    ResponderExcluir