quinta-feira, 1 de abril de 2010

É o Avaí da Série A na terceira fase

Se no Estadual o Avaí anda rateando, e despertando dúvidas acerca do rendimento do time visando o Brasileirão, o mesmo não pode-se dizer do jogo de hoje no Alto da Glória. Pressão contrária, empate com gols no jogo de ida, melhor campanha no Paranaense... nada assustou o Leão, que venceu e deve pegar o Grêmio do Silas. Hoje, o time mostrou uma atuação de Série A.

O pênalti perdido por Marcos Aurélio no minuto final do jogo mostra um símbolo da modernidade nos goleiros. Além de escolher um dos cantos, já tem goleiro apostando na paradinha e esperando pra ver onde o atacante chuta. Aconteceu hoje com Zé Carlos. Esperou o atacante parar. Quando Marcos Aurélio viu que o goleiro avaiano não se mexeu, se livrou da bola totalmente desequilibrado. Acabou acertando a trave.

A importante vitória do Avaí em Curitiba deve servir para dar mais confiança ao grupo no Estadual. Péricles Chamusca, que começava a correr riscos, ganhou um balão de oxigênio novinho em folha para encarar as últimas duas rodadas do returno. E o elenco comemorou ao fim do jogo, mostrando uma união que é importante nesse estágio das duas competições.

E que venha Silas, William e Ferdinando. Teremos dois jogos imperdíveis entre Avaí e Grêmio, com mando de campo a ser sorteado pela CBF. Nada menos que o confronto dos sonhos do torcedor avaiano.

9 comentários:

  1. Esse Chamusca é fraco e medroso!!!
    Quando tiro o 3º zagueiro e coloco o Leonardo, o time jogo bem melhor e fico encima!!! Fez o gol já meteu outro zagueiro e tiro o Savio... Que poderia muito bem puxar contra ataques rapidos!!!!
    Tanto que depois dessa substituição, o Avai sumiu no jogo!!!

    ResponderExcluir
  2. Timbora rapaz. Avaí só classificou porque o Marcos Aurélio desperdiçou a cobrança. Se tivesse convertido o Avaí poderia ser desclassificado nas cobranças de pênalti. Daí não dirias a mesma coisa.

    ResponderExcluir
  3. Chamusca, covarde e medroso, sim.

    A prova é ter eliminado o Coxa. Deu um estalo de coragem e quando viu estava vencendo o Coritiba.

    O Marco Aurélio infelizmente fez um mal para o Avaí. Agora muitos acreditam que Chamusca deve permanecer no Leão.

    Ele tem um "bom carro" (material humano que são os atletas) nas mãos, mas tem medo de dirigir acima de 80 Km na "free way" que é nosso campeonato.

    Se fosse pra cima em todos os jogos, com coragem, venceria os dois turnos e aguardaria o time de melhor índice técnico na final.

    O termo certo seria C****, mas...

    ResponderExcluir
  4. Será que ainda em gente em Brusque preocupada com o que o Avaí fez ou deixou de fazer???

    Nem sei que é. Pra mim não existe.

    ResponderExcluir
  5. Em Brusque tem gente preocupada com Botafogo, Flamengo, Vasco e Fluminense, por exemplo, porque alguém não pode estar por dentro do que acontece com o único time de SC na Série A, o Avaí.

    Se um dia o Brusque estiver nesta situação, como já esteve em 1993 na Copa do Brasil, os brusquenses cobrariam da imprensa do Estado uma cobertura ampla do representante catarinense.

    Sou de Floripa e em 93 torci pelo Bruscão contra o União do Bandeirante-PR. E torcerei, como hoje, vou estar torcendo pela Chapecoense contra o Galo.

    A rivalidade regional a gente deixa para o estadual e Copa SC.

    ResponderExcluir
  6. João Frederico H. Leite1 de abril de 2010 17:07

    Será que o teu Avai vai RECLAMAR da
    arbitragem, depois que seu jogador fez falta no adversario e merecia ser EXPULSO. Agora não tem CHORORO e depois dessa é capaz do
    presidente entregar o TROFEU que
    surripiou para que não fosse entregue ao mais querido.

    João Frederico H. Leite
    Urussanga - SC

    ResponderExcluir
  7. Anônimo 1 de abril de 2010 14:12 -
    o blogueiro eh avaiano.

    no mais, esse clube nao eh limitado ao bfc.

    ResponderExcluir
  8. O mais querido não significa ser o mais amado, o de maior torcida.

    Até hoje tem chororô devido ao clássico do créu e o jogo do primeiro turno.
    Não tentem passar a coroa.

    ResponderExcluir
  9. Aqui em Brusque ninguém quer saber de Avaí. Eu sempre torço contra.

    ResponderExcluir