sexta-feira, 13 de agosto de 2010

O Avaí quer ser internacional

Depois do chacoalha tomado para o Guarani no sábado passado, o Avaí tinha dois problemas para passar ontem: primeiro, enfrentar o Santos na ida da primeira fase da Sul-Americana, e segundo, dar uma satisfação ao seu torcedor, depois da atuação bisonha em Campinas. Os dois problemas foram superados em grande estilo, e o Leão pode conseguir algo que o seu rival não conseguiu na Sul-americana, que é passar para a fase internacional da competição.

Não tinha dúvida que o Avaí iria jogar com muita vontade a partida. Mas o resultado superou a todas as expectativas. Podem falar que o Santos não jogou parte do jogo com o time principal e tal... Não importa, foi uma atuação de gala, em que vi Vandinho atuando como aquele camisa 9 do acesso em 2008.

Eu acho que a Sul-americana tem estágios bem distintos, que não necessariamente representam uma crescente de dificuldade com o passar do tempo. A primeira fase, nacional, é complicada. Depois, começa a fase internacional contra times não tão fortes de outros países. Vá se programando, torcedor avaiano. Caso o Avaí passe pelo Santos, e tem tudo pra isso, enfrentará o Universidad San Martin, do Perú, ou o Emelec, do Equador, no mês de outubro. Se passar, enfrenta Goiás ou o Peñarol do Uruguai.

Não dá pra sonhar longe?

Nenhum comentário:

Postar um comentário