quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Na pilha do Jasc

O Blog está largado nessa semana. A correria dos Jogos Abertos, ainda mais acontecendo em casa, está consumindo todo o meu tempo. Mas eu não reclamo.

É a décima segunda edição que trabalho, e o ritmo alucinante de modalidades simultâneas deixa qualquer entusiasta do esporte maluco. É muita coisa ao mesmo tempo. E isso causa alguns problemas. Eu saio da natação, vou pro futsal e depois pro basquete. Já me peguei trocando times, falando em "tocar bola" no meio da natação ou em "gol" no meio do basquete. Faz parte. Ano que vem, em Criciúma, vai ter um número menor de modalidades de Brusque, e dá pra organizar um pouco. Estamos em uns 10 na rádio, mais 6 aqui na TV fazendo cobertura. É coisa.

Os Jasc acabam no sábado, com uma briga pelo título geral, algumas medalhas para Brusque e uma organização apenas mediana por parte do governo municipal. Acho que a Prefeitura precisa pensar em algumas mudanças de conceito na política esportiva da cidade. A organização dos Jogos Abertos não foi capaz de providenciar hospedagem, de arrumar um placar eletrônico e providenciar ambulância nos eventos. No quesito "organização", a cidade não passou no teste, e olha que tem um Mundial de Handebol aqui no ano que vem. É bom reavaliar tudo.

A cidade de Brusque também não foi envolvida. Nenhum bar ou restaurante se preparou para a demanda de gente que vem para os Jogos e que, por consquencia, queria uma programação noturna. Nenhuma campanha foi feita para motivar o comércio da cidade a entrar no clima da competição. E os ginásios não encheram, exceto na cerimônia de abertura. Faltou um maior envolvimento, e até motivação por parte das autoridades. Pra bater foto na hora do pódio é fácil. No jantar da imprensa, dois pontos a destacar: o pedido formal de desculpas feito pelo Prefeito, e o troféu "Fim de Linha" entregue pelo pessoal da imprensa ao presidente da CCO, o blumenauense Marcelo Cavichiolo, por causa do "jogo de empurra" das linhas de transmissão.

Mas a festa do Jasc está aí , e termina no sábado. Será que foi o tão falado evento que serviria para reacender a chama da competição? Eu não sei.

3 comentários:

  1. tambem acho que teve varios pontos fracos esse JASC, um deles foi a vergonha que fizeram no futsal feminino...

    Eu pelo menos tentei fazer a minha parte, fui em tudo que deu tempo, pelos jgs serem no mesmo horario e o trabalho n pude ir em mais coisas... Mas achei legal... agora é facil essas pessoas que ficam em casa vendo novela e dormindo vim chingar o JASC falando que foi um fracasso onde nem se mecheram pra tentar melhorar...

    No fim das contas achei bom, qndo é a proxima em brusque? rs

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Rodrigo e equipe da Radio Cidade pela magnifica cobertura.

    Foi emocionante a narração dos jogos, principalmente o volei feminino.

    O esporte em SC está atingindo um patamar de alto nível em algumas modalidades, e os JASCs são a mola propulsora.

    Brusque deve terminar em quinto lugar. Poderia ter ficado na frente de Concórdia tranquilamente. Muitas pratas que poderiam ter sido ouro com um pouco mais de trabalho e recursos.

    Parabéns também a PMB e ao Prefeito Paulo Eccel pelo sucesso e organização.

    ResponderExcluir
  3. Mas tens que admitir que o apoio da PMB não tem nem comparação com a época em que o "dublê de cantor e político" era prefeito de nossa cidade, certo Rodrigo ?
    As vezes é bom elogiar também...

    ResponderExcluir