sábado, 11 de dezembro de 2010

Televisionamento: mais para quatro, menos para seis

Ontem a noite, a FCF recebeu a última reunião da Associação de Clubes de Santa Catarina. O presidente do Avaí, João Nilson Zunino, que não queria ficar mais uma gestão, acabou aceitando permanecer mais dois anos. E, como não podia deixar de ser, o televisionamento foi assunto. Para quem não sabe, as verbas da RBS TV do ano passado foram divididos de forma igualitária entre os dez times, descontado um comissionamento para a agência Propague (e até agora não sei por que os clubes precisam de agência pra negociar contrato de televisionamento) e para a FCF.

Mas para esse ano, a divisão do bolo mudou. Foi o que disse um diretor do Criciúma ao portal Engeplus:

O Criciúma saiu satisfeito da reunião da Associação de Clubes, realizada ontem à noite na Federação Catarinense de Futebol, em Balneário Camboriu. No encontro, foi discutido o contrato de televisionamento dos jogos do Estadual. "Conseguimos um bom resultado", comemora o diretor financeiro Deloir Brunelli.
O grupo dos quatro principais clubes - Criciúma, Joinville, Figueirense e Avaí -, conseguiu aumentar sua participação no bolo dos recursos do campeonato. "Mas assinamos uma cláusula de sigilo, portanto não podemos informar os valores. Mas garanto que vamos receber um pouco mais".
Segundo Brunelli, o principal argumento utilizado pelos principais clubes é a projeção que eles estão dando ao futebol catarinense. Afinal, em 2010, Criciúma, Joinville e Figueirense conseguiram subir de divisão no Campeonato Brasileiro, enquanto o Avaí se manteve na Série A.

Uma hora os valores aparecem. Ah, e é bom lembrar: em 2012 os clubes não receberão nenhum real da RBS TV pelo televisionamento do Estadual. O dinheiro do primeiro ano de contrato foi repassado de forma adiantada em 2009, quando da briga judicial com a Record, em que um contrato foi assinado com um outro ainda em vigência. Como a RIC levou a melhor, o contrato com a RBS foi prorrogado automaticamente por mais uma temporada. Resta descobrir o destino do dinheiro adiantado: já ouvi que há uma reserva técnica depositada em uma conta bancária para cobrir os custos de 2012, assim como também já ouvi que o dinheiro adiantado foi gasto por alguns clubes.

Injusta a priorização dos quatro? Acho que sim. Baseado no argumento do diretor do Criciúma, esqueceram que a Chapecoense, mesmo não conseguindo o acesso, também fez uma boa Série C e ajudou nessa projeção. Mas os dirigentes dos seis clubes ditos "pequenos" mostraram que não souberam agir politicamente dentro da sua própria Associação.

10 comentários:

  1. Mesmo sendo torcedor do Criciúma, acho injusta qualquer forma de dividir a verba que não seja igualmente entre todos os clubes.

    Mas mais injusta ainda é a diferença de tratamento (e apoio) que a RBS dá aos campeonatos gaúcho e catarinense.

    ResponderExcluir
  2. Outra coisa: acho que o Deloir falou mais do que devia.

    Não duvido que daqui alguns dias o pessoal da Federação venha "desmentir" essa história e afirmar que todos receberão a mesma verba.

    ResponderExcluir
  3. Muito interessante o fato deles esconderem os valores. Estão escondendo o que? Que até o ano passado a RBS pagava para os maiores times de SC 3 vezes menos do que ela pagava para os piores times do RS (Avenida, São José...)?

    ResponderExcluir
  4. se ja receberam o dinheiro de 2012 como fica os clubes que subirem ano que vem?me explica por favor!sobre o comentario ali em cima.cada um clube tem oque merece...se a rbs paga mais aos pequenos do rs doque os grandes sc...culpa dos seus dirigentes que sao uns bananas! outra coisa...sou de tubarao e o brusque sera nosso representante na copa do brasil! nao deveria receber um pouco mais tbm?

    ResponderExcluir
  5. Para mim, FCF e Assoc dos clubes de SC, mais a famigerada RBS, é caso de policia.
    Tropa de Elite neles.

    ResponderExcluir
  6. Não é o proprio Avai e Figueirense que brigam por cotas iguais de televisionamento na serie A ? Engraçado no brasileiro defendem cotas pq seriam beneficiados.....agora no catarinense !!! Bando de hipocritas ! Uma dica então tbm vamos fazer como no gaucho....os "pequenos" não pagam arbitragem e ganham ajuda de custo da federação com bola etc. Se não for dessa forma como vão crescer ???

    ResponderExcluir
  7. twetter do rodrigo
    E não é o Dodô nem os nomes que andaram ventilando aqui na cidade. É atacante e foi campeão mundial de clubes. Vão tentando adivinhar.
    _______________

    Eu não quero acreditar que seja Michel Dias, ex reserva do Inter campeão mundial de 2006

    Os seus últimos anos foram tenebrosos: quatro gols somando os anos de 2009 e 2010.

    Foi contratado e dispensado recentemente pelo América de Natal, e estava no interior do RS onde marcou 4 gols jogando pelo Novo Hamburgo no último ano...

    Por que não contratar um atacante decente? Não confio nesse tal de Kito e muito menos ainda nesse Michel.

    ATENÇÃO DIRETORIA DO BRUSQUE: Atacante precisa FAZER GOLS.

    Voces estão contratando atracantes que não marcam gols.

    Tomara que eu esteja errado quanto a esse Michel, e que realmente seja boato essa notícia.

    ResponderExcluir
  8. se eh jogador medalhão deve ser (pelo que eu lembro tem): aloisio (rebaixado pelo brasiliente), amoroso (jogando showbol), iarlei e christian (ta sumido, faz tempo, acho q ta no são caetano).

    desses só o iarlei e o amoroso que dariam um bom retorno de marketing,e olhe lá, nada que se compare ao viola.

    michel dias, nunca ouvi falar, nao é medalhao, fernandão, grafite e alexandre pato, com certeza nao é.

    ResponderExcluir
  9. SERA ADRIANO GABIRU ?NOSSA SENHORA!

    ResponderExcluir
  10. Também falei pro Rodrigo que não acreditava que fosse o Michel porque não é medalhão...

    Mas suspeitei porque parece que trabalhou com o Turra...

    Estou torcendo para não ser. Já não gostei nem um pouco da primeira indicação do Turra (Kito).

    ResponderExcluir