domingo, 16 de janeiro de 2011

Derrota dolorida na Arena

Todo jogo de primeira rodada precisa ser olhado de forma diferente. Não se avalia time no primeiro jogo, ainda mais jogando fora de casa contra favorito ao título. Mas a derrota na Arena, tomando a virada com um jogador a mais em campo, vai servir como uma bela lição ao Brusque e a Paulo Turra, que pode mexer com o time para o jogo contra o Avaí. Foi um jogo franco, de dois times que se respeitaram. Mas que a derrota doeu, ah doeu.

É necessário olhar a derrota brusquense sob dois aspectos. Sei que vai encher de gente de Joinville aqui pra dizer que eu tô louco em criticar a arbitragem do Sr. Célio Amorim, que dizem que é aspirante a Fifa. Tenho certeza que, se esses lances acontecessem aqui em Brusque, e contra o JEC, o berreiro ia ser grande. Jogo zero a zero, pênalti em Chulapa. Jogo 1 a 0, Aldair notadamente domina a bola na mão, na frente do auxiliar Hélton Nunes (outro que não tenho sorte, só pego atuação ruim dele), e depois acha um gol espírita maravilhoso. E no final, com o jogo já 2 a 1, Têti sofre um pênalti que não foi marcado pro árbitro. Mas quer saber? Reclamar de arbitragem no Catarinense é chover no molhado. Se hoje nosso Estado tem sete times disputando o campeonato nacional, o mesmo não se pode falar dos homens do apito. O Brusque foi prejudicado, mas eu falar isso aqui não vai adiantar em nada. Vai ser igual ao ano passado: tem que passar por cima de mais esse obstáculo. Nem sei se você verá esses lances na TV. Então fico eu, que vi o jogo, aqui com minha indignação. Mas é só a primeira rodada, há tempo pra recuperar.

Agora, o outro aspecto, que vai recair sobre o técnico Paulo Turra. Se o JEC fez dois gols, é porque o Brusque aceitou a pressão do adversário depois que Tiago Soler foi expulso. Passamos um tempão aqui na cidade aguentando jogadores como Paulinho e Leonardo, que entram e não resolvem um jogo. Aí, com o jogo pegado, Turra tira William e põe o nosso velho Paulinho de sempre, que nada fez. E, contando com um Leandrinho no Banco, jogador experiente para situações-chave, coloca Leonardo, que notadamente amarela em situações de pressão. Bingo. Deu no que deu. Repito: é primeira rodada, e até me dá impressão que Paulo Turra ainda não conhece por inteiro o time que tem. Mas como ele mesmo disse, o jogo serviu para tirar algumas conclusões. Vem aí o Avaí na quarta, que não vi nada demais no jogo de sábado, quando perdeu pra Chapecoense. O Brusque 2011 tem qualidade, agora precisa ganhar pontos.

10 comentários:

  1. Rodrigo, não é retrucar querido mas o Chulapa bateu com o bico da chuteira no chão e dobrou o joelho. No lance do Jec, o Aldair não dominou com a mão, a bola bateu na mão dele, pra ele dominar akela bola ele teria de ter um reflexo fora do comum pq foi mto rápido. A derrota doeu pro Brusque pq foi um time covarde, veio pra não jogar, achou um gol e qdo poderia matar, amarelou.

    ResponderExcluir
  2. eu estava lá e vi,um brusque bem arrumadinho,bem postado na defesa e um ataque muito agudo e veloz.porem muito inocente quando substimou o jec com uma catimba manjada.o juiz não comprometeu pois se existiu penalti o pantico foi empurrado na area e ele não deu,essa discurssão vai longe.
    o jec virou o jogo com a garra de aldair e a esperiencia do ramon.

    ResponderExcluir
  3. O lance da mão o bandeirinha deveria ter parado mesmo, nao importa se fi bola na mão ou mão na bola, o que importa é que a bola pegou na mão do cara e prejudicou o Brusque, a mão interferiu na jogada, o lance do penalti acho tambem que nã foi nada, o Brusque foi um time covarde, incopetente e sem raça, pareciam um molóides em campo, acho que um empate seria o resultado justo..tomara que o Pereira entre nesse time no proximo jogo

    ResponderExcluir
  4. Chulapa reconheceu que não foi penalti, ao menos nao vi protestos dele.
    O lance do Aldair dominando com a mão eu nao vi, estava do outro lado do campo, mas é comum lances de mão/braço passarem despercebidos. Por exemplo, também vi lances assim para o Brusque, mas esses não resultaram em gols.
    O gol do brusque foi, sem dúvida, mais achado que o primeiro gol do Joinville. Até porque foi gol contra numa lambança da zaga do JEC com o goleiro inacreditável.
    Avaliando os méritos, entendo que o JEC jogou melhor e mereceu a vitória. Criou mais, no fraco jogo das duas equipes. O Brusque levou perigo em duas oportunidades depois da virada.
    Mesmo que se tenha por ruim a arbitragem, não se pode atribuir má-fé ao árbitro Célio Amorim. Fosse assim, nao acredito que teria expulsado o jogador do JEC.
    Abraços, Rodrigo.
    Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  5. Rodrigo, gosto muito do seu blog, porém esse post voce escreveu como um torcedor do Brusque e nao analisou os lances como um Jornalista.
    No fim do primeiro tempo,o proprio Chulapa admitiu para a radio de joinville que tropeçou e caiu no lance que voce diz ter sido penalti.
    No lance do Aldair, como ele iria dominar a bola com a mão? a bola bate na mão dele quase na lateral, ele se perde e consegue dar sorte de cair perto dele... por que voce nao falou dos lances de erros a favor do Brusque? e cuidado, reclamar da arbitragem te rendeu belos ematomas ano passado.

    ResponderExcluir
  6. e o chochorô vai começar....


    eh JEC pohaa!!!!

    ResponderExcluir
  7. O Rodrigo, percebo que tens um futuro brilhante em sua carreira. Mas, como jornalista, precisas ver os jogos com os olhos e não com o coração. O penalti em Pantico. Foi o lance mais escandaloso do jogo (empurrado por dois zagueiros ao mesmo tempo) e você, nada comentou. Que pena! Precisas rever seus conceitos meu caro! Abraços e muito sucesso!

    ResponderExcluir
  8. virou blog do jec aqui???
    do jec eu nao tenho pena sou bi campeão na arena. quero ver eles em jogo decisivo ai eh Bruscão.
    Não vi o jogo nem ouvi na radio, entao nao posso comentar, mas paulinho e leonardo nao da mais. nao to criticando eles pelo jogo contra o jec, já disse que nao vi, mas pelo conjunto da obra, eh eles entraem em campo que ja fico com raiva. sera que sou o unico? ah.. o valdo tambem,mas pra sorte nossa esse já vai embora.

    ResponderExcluir
  9. Eu vi o video da jogada do Chulapa e ele foi calçado por trás. Penalti muito claro. No Teti também foi claríssimo. Pior é que tem gente de Brusque dizendo que não foi penalti. Dá pra entender?

    Luciano + Danilo precisam fazer pressão na FCF via governo do estado. Não existem políticos de Brusque ligados ao governo? O que o Venzon faz por Brusque? O que o Dagomar fazia por Brusque? Tá na hora dessa população começar a votar em políticos quer trabalham pela cidade. De todos o Ciro ainda é o que mais trabalha por Brusque. Podem falar o que quiser. Que vergonha essa FCF.

    Mas juiz não é desculpa. Todos sabem que precisamos passar por cima disso pra conseguir alguma coisa.

    O Pereira pode consertar aquele lado esquerdo. Também estou muito afim de ver o Pereira jogando nesse time. É titular absoluto em qualquer das 2 laterais. Também gostaria de ver o Rogério Souza, pelo menos como opção no banco, principalmente para a meia. Dá pra comparar o Rogério com o Paulinho?

    O time está sem pegada, está sem raça e não sabe segurar resultado. Isso o técnico precisa trabalhar. Jogar um resultado desse fora, num jogo ganho contra um adversário inferior e com um jogador a menos não pode acontecer.

    Alguém precisa avisar pro Turra que o Marcelinho, Leandrinho, Rogério Souza são muito mais jogadores que o Paulinho e Leonardo. Será que esse cara é cego? E o Marcelo, está defendendo os antigos colegas? Não foi para isso que o BFC contratou como auxiliar técnico.

    Enfim, muitas coisas precisam ser melhoradas. Precisa lembrar esse técnico que o futebol de SC não é o futebol da Europa. Aqui se faz coletivo pra aprender a enxergar essas deficiencias.

    O Brusque precisa fazer pelo menos 4 pontos nos próximos 2 jogos, senão começa a disputar rebaixamento. E olha que o Figueirense no Scarpelli não é fácil. Depois tem que dar uma chinelada nesse time de sujos que é o Criciuma aqui no AB.

    ResponderExcluir
  10. Vai me desculpa , mas depois quando a torcida pega no pé do treinador ,não é a toa , o que que esse cidadão está fazendo , colocando o Paulinho e o Nado em campo , e deixando o Marcelinho e o Leandrinho no banco.
    Só pode tah de brincadeira ele e o Marcelo , pelo amor de deus , perdemos para nós mesmos lá em Joinville.
    Ve se não faz mais besteira meu filho , temos time para jogar pra frente com qualquer time de SC hj.

    ResponderExcluir