sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Quatro times, uma vaga na final

Falamos das finais do primeiro turno do Estadual. Um mata-mata que talvez seja único no futebol mundial. Quero que alguém me diga outro campeonato no planeta que tenha decisão em jogo único com vantagem para alguém em 90 minutos. Você não vai achar. Só aqui em Santa Catarina. E isso dá uma vantagem enorme para o mandante. Sem jogo de volta, nem prorrogação e tampouco pênaltis, diminuem as chances de surpresa dos visitantes. Mas com um campeonato tão equilibrado, elas podem acontecer.

Criciúma e Chapecoense decidem a primeira vaga, com um cenário bem definido: um tem 100% de aproveitamento em casa, o outro começou o turno voando, e classificou apenas na última rodada. A vitória sobre o Brusque não pode apagar o histórico de más atuações do Verdão, que nos últimos cinco jogos, marcou apenas cinco pontos (1 vitória, 2 empates e 2 derrotas). Pesa também contra a Chape a ausência do atacante Aloísio, que, quando está em campo, faz muita diferença no time de Mauro Ovelha. O Criciúma foi se arrumando durante o campeonato, e mostra duas caras: uma em casa, onde não perdeu, e outra fora, onde não venceu e conseguiu três empates. E como o jogo é no Heriberto Hulse, com a vantagem do resultado igual e com o time completo, o Tigre tem tudo pra levar.

Já o Figueirense enfrenta o Joinville com a credencial de quem patrolou o adversário no turno. Naquela noite, o JEC não viu a cor da bola e tomou de 4 a 0. Aquela partida aconteceu na segunda rodada. O Figueira conquistou a primeira colocação do turno contando com a ajuda do adversário de domingo, que foi goleado pelo Metropolitano, e como já disse aqui, é o time a bater nessa primeira fase de campeonato. Tem a base do ano passado, está muito bem armado por Márcio Goiano e tem uma vantagem importante do empate para lhe dar mais tranquilidade, jogando dentro de casa. O JEC é um caso sério: perdeu dois jogos em casa, mas venceu outros dois fora, contra Imbituba e Concórdia. O time vem pressionado depois da goleada do último domingo, e vai ter que se atirar no ataque com as suas armas, como Ramón, Lima e Pantico. E isso vai expor o fragilíssimo sistema defensivo do time, que vai ter que se virar contra um poderoso ataque alvinegro. Pelo maior volume de jogo, penso que o Figueirense estará na final do primeiro turno.

Um comentário:

  1. todos tem clareza que o grande favorito domingo é o figuera não tanto e unica razão do mesmo ser o melhor no campeonato,mais sim tambem pelos tropeços do jec no campeonato.porem não será demerito nenhum perder mais sim como isso ocorrerá.torço para que o meu tricolor faça bonito na vitoria ou na derrota estarei sempre contigo,
    até pouco tempo a situação era muito pior então quando embalar não haverá mais duvidas quem vai tocar esse bonde.

    ResponderExcluir