sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Top da Bola: Eleição dos melhores do primeiro turno

O Instituto Mapa enviou para a imprensa o formulário para votação dos melhores do primeiro turno do Estadual. Baseado no critério deles, os que possuem melhores notas foram a votação, dentro de suas posições. Para matar a curiosidade do torcedor, esses foram os que levaram as melhores notas:

Goleiros: Andrey (Criciúma), Márcio Kessler (Marcílio Dias), Wilson (Figueirense)

Laterais Direitos: Bruno (Figueirense), Fábio Santana (Criciúma), Thoni (Chapecoense)

Laterais Esquerdos: Juninho (Figueirense), Luan (Imbituba), Pirão (Criciúma)

Zagueiros: Émerson Nunes (Avaí), Ferreira (Marcílio Dias), João Paulo (Figueirense), Rogélio (Criciúma), Téio (Metropolitano), Thiago Couto (Brusque)

Volantes: Alex Albert (Metropolitano), Batista (Avaí), Carlinhos Santos (Criciúma), Everton César (Chapecoense), Fabinho (Brusque), Ygor (Figueirense)

Meias: Maicon (Figueirense), Marquinhos Santos (Avaí), Ramon (Joinville), Roni (Criciúma), Têti (Brusque), Thomaz (Imbituba)

Atacantes: Aloísio (Chapecoense), Fernandes (Figueirense), Héber (Figueirense), Lima (Joinville), Schwenck (Criciúma), Selmir (Concórdia)

Técnicos: Guilherme Macuglia (Criciúma), Joceli dos Santos (Metropolitano), Márcio Goiano (Figueirense)

Árbitros: João Fernando da Silva, Paulo H. de Godoy Bezerra e Ronan Marques da Rosa.

Um detalhe: nenhum dos dois árbitros que apitaram as semi-finais e foram para o sorteio da final, Rodrigo Dalonso e Célio Amorim, apareceram entre os três melhores do primeiro turno.

2 comentários:

  1. O Marcio Kessler era o goleiro que eu tinha sugerido para o Brusque, antes dele vir para o Marcilio.

    Com o Marcio Kessler, tinhamos classificado entre os 2 primeiros, e jogado a primeira semi-final em casa. Só o que foi perdido de renda, pagava o contrato.

    Todo time começa por um bom goleiro. E isso infelizmente nós não temos.

    ResponderExcluir
  2. Mas ainda dá para contratar para a Série D e para o ano que vem. Vai ficar sem calendário no Marcilio.

    ResponderExcluir