sexta-feira, 27 de maio de 2011

Brusque mostra atitude e vence

Um dos ingredientes que são necessários em um time vitorioso é atitude. Depois da parcimônia vista na derrota pro Metropolitano, o mínimo que se esperava do Brusque era uma mudança de atitude.

Longe de dizer que o time está pronto pra Série D, mas o modo como a equipe jogou ligada contra o JEC e construiu a vitória é, sem dúvida, uma boa notícia.

Itamar Schulle mudou o time, colocando dois meias em campo e dando outra dinâmica à equipe em campo. Aloisio Chulapa participou muito do jogo (só faltou o gol dele) e o adversário foi pressionado como queremos ver. Destaque pra boa estreia do atacante Lê, que entrou no lugar de William, machucado, e deixou o seu. Agora a situação melhora muito na Copa SC. O Bruscão tem um jogo difícil contra o Marcílio Dias de Joceli dentro de casa, e viaja para Concórdia depois. Duas vitórias que são possíveis.

Já o JEC, em montagem para a Série C e com jogadores por estrear, nem precisava estar participando da Copinha. Entrou no torneio e, com um ponto, vai criando uma crise que poderia não estar acontecendo. Giba arma o time de um jeito estranho, e não sei porque não quis usar o atacante Chris no lugar de Lima, que acabou expulso. Se a Copa SC é um laboratório para a Série C, como dizem por lá, o time precisa mostrar muita, mas muita melhora até chegar o Brasileirão.

Um jogo que se não foi maravilhoso, foi quente, com três expulsões e jogadas ríspidas. O Brusque segue em frente e parece ter encontrado um rumo, ainda que seja necessária uma segunda partida como contraprova. Já o JEC terá uma folga na próxima pra fazer um auto-exame das suas prioridades.

3 comentários:

  1. Itamar corrigiu aquele esquema tático terrível que adotou contra o Metropolitano, o time se posicionou bem em campo e o resultado veio naturalmente.

    Quando o técnico é bom as coisas são diferentes. Com tres ou quatro indicações e mais os jogadores que já conhecia (Alexandre, Lê), Itamar está arrumando o time.

    Alexandre e João Vitor muito bons. Finalmente podemos dizer que o Brusque começa a ter uma zaga decente, depois de quase dois anos.

    Thiago Cristiam muito bom na ala esquerda. O Vinicius vai ter que jogar muita bola pra ser titular. Corrigido outro problema cronico do Brusque: a lateral esquerda. João Neto jogou bem, mas precisamos de mais um lateral direito.

    Fabinho e Leandro perfeitos. Estamos bem também nesse setor, com mais o Wellington, Pereira e Guto.

    Ataque excelente com Aloisio e Leandrinho, que voltou a jogar bem depois das últimas partidas no estadual que não foi bem e daquela partida ruim contra o Metro. Le mostrou que também foi uma contratação acertada.

    Esse time com mais um meia bom, um zagueiro, um lateral direito e um atacante vai incomodar Juventude ou quem vier pela frente nessa Série D. O Brusque entrou no páreo pra Série C.

    ResponderExcluir
  2. não concordo mto com o rodrigo nesse post. acho que o time depois do primeiro gol, voltou a ficar sonolento, errando passes bobos e dando varias oportunidades para o JEC que só não fez por incompetencia. mesmo com um a mais o bfc deu chances pro jec e nao conseguir ampliar o placar.
    agora o lance mais inusitado foi quando um bando de arruaceiros que ficou o jogo todo puxando briga com uns dois "torcedores" do jec, correram do pau na arquibancada. coisa feia e que podia ter machucado alguem que nada tinha a ver com a historia. e a pm mais uma vez nao fez nada, ninguem preso, ninguem identificado

    ResponderExcluir
  3. essa copa não vale nada para o jec.
    o que realmente importa e a preparação do time para o brasileiro.apesar da rivalidade entre brusque e o jec(que eu acho salutar,desde que não baixe o nivel)muitos de joinville desejam que brusque e metropolitano tenham sucesso no brasileiro.
    quanto a crise que o rodrigo se refere que começa aqui no jec,não acredito talvez uma meia duzia de criticos chatos.então vamos deixar o giba trabalhar...

    ResponderExcluir