sexta-feira, 24 de junho de 2011

Empate de dar sono em Recife

Olhando secamente pra tabela da Série B, o empate sem gols do Criciúma em Recife, contra o Sport, time que vai brigar pelo acesso, pode ser considerado um bom resultado. Mas fica nisso. Faltou mostrar futebol, uma repetição na novela de outras partidas. Os números falam por si: nos últimos cinco jogos, o Tigre marcou apenas e tão somente um gol. Tem uma das melhores defesas da Série B, mas no outro lado, foram apenas cinco gols marcados. Só o ASA foi pior.

Se contra o Boa contei seis chances de gol, hoje o ataque foi pior: o time conseguiu a proeza de fazer zero chutes a gol. Isso mesmo, nenhum. O goleiro do Sport assistiu a partida, e aí fica fácil. Vamos e venhamos: o time da Ilha do Retiro não é lá essas coisas, perdeu o técnico e mostrou o porque da campanha mediana (rigorosamente igual ao Criciúma). Faltou acreditar que a vitória era possível, ousar diante de um adversário que dava oportunidade. Mas Guto Ferreira não alterou o seu esquema (e vem mostrando que não vai mexer nunca o time durante o jogo), não procurou ser mais ofensivo e o zero a zero persistiu.

O técnico do Criciúma pediu paciência na entrevista coletiva. Certo é que se o seu time não vencer, e principalmente, jogando com superioridade contra o Bragantino, não tem paciência que segure a torcida.  Há de se mostrar uma reação pra ontem. Já foram pontos perdidos demais dentro de casa, e um outro resultado que não seja a vitória na terça-feira vai complicar mais ainda a briga pelo acesso. Menos mal que os resultados colaboram, e o time deve terminar a rodada a apenas um ponto do G4.

5 comentários:

  1. sou criciumense,e deu sono mesmo,alias,o time hj tem dinheiro salários em diae kd o futebol?? ACORDA TIGRE!!!

    ResponderExcluir
  2. E ainda acham que podem voltar pra Série A kkkkkkkk

    Vão brigar pra não cair, apenas isso...

    ResponderExcluir
  3. Pelo futebol apresentado dois dois até agora na Série B, Criciúma e Sport não mostram muita força pra brigar pela elite.

    ResponderExcluir