terça-feira, 12 de julho de 2011

Criciúma dispensa Thoni e mais cinco

O Criciúma anunciou agora pela manhã que não pretende mais contar com seis jogadores, incluindo aí o lateral-direito Thoni, campeão catarinense deste ano pela Chapecoense, cuja transferência rendeu muita polêmica. Também deixarão o clube os jogadores Marinho Donizete (foi titular em alguns jogos), Mariano Rubbo, Nicolas, Diogo Felipe (será emprestado para a Chapecoense) e Guilherme, que será afastado para tratamento médico.

A saída de Thoni é, com certeza, a mais polêmica. Já tinha acertado com o Tigre antes da final do Estadual. Deu várias entrevistas desmentindo a transferência, mas depois do título, pousou no Aeroporto de Forquilhinha. Por mais que tenha uma longa ficha de serviços prestados no Oeste, pelo o que senti, não o querem de volta por lá. O Criciúma contratou Fabinho Capixaba para a posição, e como Thoni era um jogador caro e que não vinha rendendo, o técnico Guto Ferreira optou por afastá-lo.

Aliás, uma coincidência: dois jogadores que o Criciúma lutou para trazer acabaram sendo afastados: Valdo, hoje emprestado ao Boa, que veio depois de uma briga jurídica com o Brusque, e agora Thoni. Será que ele poderá aparecer em algum time do Estado?

5 comentários:

  1. Finalmente a naba do marinho donizete vazou... assim pelo menos não tem nenhuma chance de ser aproveitado. Há tempos que eu nao via um jogador tão peladeiro

    ResponderExcluir
  2. Mascarado, ninguém te quer mais aqui seu Thoni. Polêmico desde a vinda antes do catarinense, na qual retardou o acerto com o Verdão e na reta final do catarinense quando já acertava com o Criciúma e caiu totalmente de rendimento. Boa opção pelo CRICRI hein, nem lá o querem mais, é tratado como moeda. Aqui tu era ídolo até fazer essas. Portas fechadas na chape meu amigo!

    ResponderExcluir
  3. Seria uma boa opção ao Avaí.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Seria uma boa opção para Brusque ou Metrô. Acho que é um jogador acima da média para essas competições, e poderia ajudar uma das duas equipes a alcançar o acesso para a série C. São as únicas equipes em Santa Catarina que ele teria chance. Série A está acima dele, para a Chapecoense não volta mais (a torcida não quer) e no JEC também sem chance, já que temos opções que estão rendendo na posição, como o excelente Eduardo. O Thoni só fica em SC se for para o Brusque ou Metrô.

    ResponderExcluir