quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Aloísio Chulapa fora do Brusque

Acabou a era Aloisio Chulapa no Brusque.

Em reunião de diretoria na noite de ontem, o clube optou em liberar o atacante do seu vínculo, depois das declarações dadas por ele no domingo, quando ligou para a Rádio Cidade criticando veementemente o diretor Carlos Beuting e questionando a idoneidade do presidente Danilo Rezini.

Não havia mais clima para ele permanecer, e o próprio atleta já admitiu isso. Mas Chulapa não deixará a cidade. Permanecerá treinando no grupo do Brusque normalmente, até encontrar um outro clube das séries A, B ou C para jogar.

Ele prometeu "falar tudo" sobre os bastidores do clube em uma entrevista coletiva quando saísse do Brusque. Depois pediu desculpas, mas não adiantou. Ninguém foi atrás dele para falar aquilo. Ele que foi atrás da imprensa para instalar a crise no Bruscão.

3 comentários:

  1. Assunto encerrado. Agora queremos boas notícias.

    A primeira delas tem que vir do prefeito Paulo Eccel: o estádio municipal.

    A torcida de Brusque merece esse estádio. O BFC somente conseguirá ficar forte e se organizar como clube quando tiver o estádio.

    O estádio pode ser fonte de RENDA, se for construido no local que queremos: perto da Fenarreco. Somente um local assim viabilizaria construir salas para alugar e gerar renda para manter o estádio. Seguir o exemplo da Chapecoense, que alugou salas e dependencias do Indio Condá para entidades publicas.

    Sem o estádio o futebol de Brusque vai morrer. Por isso, nós torcedores e aficcionados pelo futebol pedimos para o Prefeito cumprir a promessa e lancar a pedra fundamental do estádio durante essa semana de comemoração do aniversário da cidade.

    Somente o projeto do estádio fará com que surjam interessados em assumir a presidencia do clube, se o Presidente Danilo resolvar deixar a presidencia por um tempo.

    O Brusque durante o estadual conseguiu média de publico de 3.000 torcedores por partida, e até na série D está entre os 10 melhores do Brasil em média de publico, mesmo considerando a fraca campanha e ppoucos jogos até agora.

    Nós estamos classificados para a Série D do ano que vem, e o clube precisa continuar. A população de Brusque, que gosta e sempre gostou de futebol merece essa consideração. Precisamos também da ajuda do Luciano e da Havam para concretizar esse projeto.

    Prefeito, por favor, estamos esperando notícia boa nessa semana.

    ResponderExcluir
  2. Antes de encerrar de vez esse assunto Chulapa, de minha parte gostaria ainda de fazer uma observação.

    Esse sujeito tem obrigação de se retratar em todos os veículos nos quais ele difamou o nosso presidente. Deu entrevista para o FutebolSC.com e outros veículos de ambito estadual a até nacional, e se retratou apenas no Jornal O Município, que é local.

    Acho que a diretoria do BFC deveria sim entrar com um PROCESSO DE DANOS MORAIS e obrigar esse sujeito a se retratar em todos os veículos para os quais deu as entrevistas difamatórias.

    Simplesmente dizer que estava de cabeça quente em um jornal local não ameniza em nada as graves calúnias que fez contra o presidente.

    ResponderExcluir
  3. o aloiso devia se moderar mais com as palavras, um cara rodado devia ser mais cauteloso, e ficado no lugar dele, e lembrar de jogar futebol, que faz tempo que nao vem acontecendo, esta colhendo o que ele plantou

    ResponderExcluir