sábado, 20 de agosto de 2011

Vitória de um bando de bravos

O Figueirense venceu o Corinthians seguindo a receita da calma.

Até pode ser que a proposta de jogo de Jorginho tenha sido aquela mesma daquela fase em que as vitórias fora de casa não apareciam, com aquele ingrediente de medo. O time que mostrava duas caras parece que ficou pra trás.

Mas Jorginho teve uma estrela forte hoje, com a entrada de Wellington Nem, que aproveitou o belo cruzamento de Julio Cesar para fazer o gol em um contra-ataque. Jogando atrás, a frente no placar, a situação requer muita calma.

E faço questão de destacar a atuação exemplar da dupla de zaga alvinegra hoje. Tomando pressão do Corinthians e de um Pacaembu lotado, o setor defensivo não perdeu a cabeça, posicionou-se direitinho e, mesmo com o adversário tendo quatro atacantes, todo mundo se controlou, e acabou premiado com o gol de Pittoni no final da partida, coroando o excelente resultado. E o pessoal do banco de reservas deu conta do recado

O Figueirense não se apequenou diante do Corinthians. E entra com tudo para o clássico da semana que vem, que promete muito.

Um comentário:

  1. rodrigo - é verdade que o leandro leite esta de saida do bfc e indo pro crb tb?
    parece que na sexta andou discutindo com o marcelo.

    ResponderExcluir