quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Mauro Ovelha aperta o reset

Depois de ter seu nome ventilado por várias vezes, Mauro Ovelha chega ao Avaí. Acho que deveria ter chegado depois da demissão de Alexandre Gallo, mas pega clube já rebaixado e com uma pressão grande de resultados.

Zunino não falou em planejamento a longo prazo. Falou em ganhar o Catarinense. Essa é a meta de Mauro, que vai ganhar em Floripa quase o dobro do que ganhava em Chapecó.

Comentários não faltaram: técnico de Série C, só serve em time pequeno, não vai aguentar quatro jogos...

Minha opinião: aperta o reset. Sem comparações. Começa do zero. Deixa ele mostrar trabalho.

Quase todos os grandes treinadores do futebol brasileiro começaram em times de menor expressão. Tiveram chances, agarraram e estão lá em cima. Mauro Ovelha vem chancelado por um título estadual, um conhecimento acima do comum do futebol catarinense e que conquistou por merecimento uma chance em pegar um clube com uma pressão bem maior de torcida e imprensa. Vamos ver como se comporta.

E não duvide se alguns jogadores da Chapecoense aparecerem na Ressacada para o Estadual.

2 comentários:

  1. Vamos deixar o homem trabalhar. Mas acho ele muito pipoqueiro, entregou o titulo para o avai na frente da chapecoense em 2009 e joinville em 2010. Se Rafael Coelho nao tivesse perdido aquele gol que driblou o goleiro e chutou na trave, seria novamente campeao em cima do Ovelha.
    O Meu maior medo é isso, vir 3 da chapecoense, 2 do ibirama, 5 do Sertaozinho... e montar aquele time "bagaceiro" novamente. Ainda mais com os nome "forte" que anunciaram, incluindo o filho mimado.
    O Avaí deve fazer a limpa, começando pelo presidente e levar consigo todo seu organograma, todos da "socialização de custos". Nunca vi tanta roubalheira, negócios fechados como Marquinho, Eltinho, Emerson, Leo Gago, julhinho, e até o medina que ninguém sabe quanto o Avai recebeu.. Uma receita de 35 milhoes para esse ano, e chega ao ponto do zunino fazer empréstimo de 4 milhoes. Onde para esse dinheiro? nesses encostados que mamam nas tetas da ressacada. E a culpa é do torcedor, que reclama do ingresso a 100 e agora que a vaca foi pro brejo, faz promoçao de 20 pila.
    Sinceramente, se o torcedor não se mobilizar, seremos mais um Santa cruz.

    ResponderExcluir
  2. Complementando,
    Santa Cruz sem torcida;

    ResponderExcluir