sábado, 10 de dezembro de 2011

O Mercadão do Avaí

Quem quiser acompanhar as informações em tempo real das principais negociações do futebol catarinense, siga meu twitter. O Blog vai trazer o que há de mais importante e dar uma analisada na cara que os times vão mostrando para 2012.

O que mais mexeu vem sendo o Avaí. Há de se destacar a mudança abrupta de orçamento que vem fazendo com que o Leão forme um time mais barato e até busque reforços aqui no Estado. Muitos torcedores torcem o nariz para as caras que chegam na Ressacada, mas não estranho nem um pouco, partindo do ponto que o presidente Zunino declarou que a prioridade é vencer o Estadual, para dar uma satisfação ao torcedor. É pra ganhar o Catarinense sem correr risco? Então deixa o Ovelha montar o time.

Vieram Renato Santos, Capixaba, Patric, Leandro Silva, Aelson, Neilson.... Nem todos são da Chapecoense, mas tem a cara do time de Ovelha, que se não mudar a sua lógica, vai apostar em um esquema 3-5-2 com jogadas de velocidade pelos lados. Dentro da proposta, o time que está sendo montado é pra ser favorito ao título. Para a Série B, a história é outra. Eu sinto que há, nesse ciclo, uma espécie de "peneirão" para saber quais dos reforços domésticos podem ser usados no campeonato nacional. Mas até lá, a história é outra.

E os jogadores que deixaram o Avaí a granel vão achando colocações, alguns em times da Série A, como o caso do zagueiro Gian, que vai para a Ponte Preta. O clube tenta dar um jeito nas eternas promessas do sub-23, que não serão usados no time profissional e devem ser repassados. Rodrigo Thiesen se mandou pra Volta Redonda, Gustavo pode ir pra Chapecó e o zagueiro Cleyton está bem próximo do Brusque.

Uma grande reformulação. Time fraco? Para ganhar o Estadual está sendo muito bem montado. O Brasileiro é coisa pra ser discutida num outro momento, que vai depender do rendimento do atual time.

8 comentários:

  1. Estadual não é essa moleza que o avai está pensando. Mas está partindo do principio certo, contratou um treinador que conhece muito o futebol daqui e deixou ele montar o time. Se bem que o Ovelha só deu certo em time pequeno, a única chance que teve de voar mais alto foi no JEC e tremeu na base. Vamos ver...

    ResponderExcluir
  2. Sim,,,o JEC é gigante..hehehhhe,,,tem muita QUIPO se achando Coca-cola...

    ResponderExcluir
  3. Essas contratações não estão fortes para o catarinense não... não é todo jogador que vai bem em time pequeno que corresponde em time grande no estado. E parece que o Patric, que seria a melhor contratação, vai pro Coxa. Avaí está fazendo muita aposta...

    ResponderExcluir
  4. Übermensch

    Se o Joinville não é considerado time grande aqui no estado, então não sei mais o que é ser grande.

    ResponderExcluir
  5. Desculpa Übermensch Tinha esquecido que o Brusque é a potencia do futebol catarinense.
    Brusque kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. Em SC temos dois grandes clubes Avaí e Figueirense. Se considerar a nivel de Brasil os dois HOJE são medios. Já o Criciuma é a Terceira força. Teve bons times, foi Campeãos da Copa do Brasil. Mas não chega a estar no mesmo patamar. O JEC teve nos anos 80 e 90 bons times e só. Caxias e Amarecia não tiveram forças pra sobreviver no fitebol. Se Joinville e Criciuma fossem cidades grandes teriam 2 clubes. Se um já é dificil ter imagina dois. Por isso Avaí e Figueinse largam a lequas de distancia, pois tem historia, varias gerações e uma boa torcida pelo Brasil.
    A muito tempo todos os jogos de Avaí e Figueirense da temporada, pessam pela TV. Fazendo o torcedor avaiano o Campeão de assinaturas de pay per view. No sul só perde para a dupla Grenal e o Coxa-PR. Fonte Globosat
    Concluindo - Não existe clube de futebol sem historia.

    ResponderExcluir
  7. Olha, o Avaí antes desses três anos de sorte era um Brusque com grife. O Avaí é um time pequeno. 60% dos seus títulos são do tempo em que Elvis nem era vivo. O Figueirense engana um pouco, mas não tem título nacional. Os únicos grandes em SC são Criciuma e JEC. Têm títulos nacionais e são os maiores campeões estaduais na era em que o futebol é levado a sério. Avaí e Figueirense ganharam muitos títulos no tempo em que a chuteira era uma bota.

    ResponderExcluir
  8. Tá sabendo bem em FRPereira?
    Sociedade do JEC proxima a 10 mil... O maior numero de assinaturas Pay per View no Catarinense era do JEC. Os avaienses tiveram 3 anos de fama e tao se achando o gás da coca.. Mas espera que aqui em SC tá tudo voltando ao normal..

    ResponderExcluir