quinta-feira, 1 de março de 2012

Olho no JEC!

Foto Gustavo Zonta / Linha Popular
O Joinville mostra um volume de jogo maior a cada partida e venceu o Camboriú sem sobressaltos. Uma vitória por 3 a 1 com um Lima motivado e atuante e um meio-campo ágil. A parte defensiva ainda tem que ser melhorada, tanto que o clube já foi atrás de reforços (o zagueiro Cesinha estava acertado, mas acabou indo para o Náutico "por um caminhão de dinheiro", como disse Nereu Martinelli), mas o time é, sim, um candidato ao título do returno. Se vai chegar às finais pelo índice, é outro papo, pois depende de escorregões da turma da frente.

Mas é fato, Argel Fucks "reajeitou" o JEC campeão da Série C.

Foto Leo Munhoz / Ag. RBS
Já tinha escrito aqui que, no começo do turno, o Joinville tinha um buraco no seu sistema de armação. Gonzaga Milioli não tinha encontrado a solução para a falta que Ricardinho, machucado desde a pré-temporada. Ramon não deu jeito, Tiago Real não se encaixou. Com a saída de Milioli, Argel chegou e encontrou a solução dentro do elenco, com um conhecido seu dos tempos de Criciúma. É claro, e impressiona o crescimento e a importância de Glaydson no time. Em Camboriú, fez um golaço. Vem mandando muito bem na marcação e articulação e, por consequência, tem feito a dupla Lima-Rangel marcar gols.

E aí, o coração do time campeão da Série C volta a bater, entrando em excelente condição para brigar pelo título estadual.

E quando chegar a Série B, com dinheiro jorrando nos cofres tricolores, a tendência é melhorar. Desde que a diretoria não erre na hora de contratar. É só ver o exemplo do Criciúma, que gastou, gastou e não chegou a lugar nenhum.

Um comentário: