quarta-feira, 2 de maio de 2012

BdR na decisão: as defesas

Nos próximos três posts, o "BdR na decisão" vai falar das defesas, sistemas de meio-campo e ataques de Avaí e Figueirense. Analisar por partes é bem melhor do que confrontar jogador com jogador, o que pode criar uma imagem distorcida. Fica mais fácil para o leitor comparar as duas equipes.

Hoje, a vez das defesas dos dois times. 

Avaí: (22 gols sofridos, 9 no turno, 11 no returno, 2 nas semifinais)

O Leão tem a melhor defesa do campeonato, com duas formações diferentes mostradas nos dois turnos. A linha de três de Mauro Ovelha tinha Moretto, goleiro crucificado pela torcida, e uma linha de três marcadores. Bom, quem conhece bem o Mauro, sabe que marcação é a sua prioridade, e sua linha não era desarmada de forma alguma, mesmo que isso viesse a tirar força do ataque. Hoje, com Hemerson Maria, o time atua de forma mais leve na marcação, mas mostra a qualidade da sua dupla de zaga. Renato Santos e Leandro Silva vem mostrando um excelente entrosamento. Sem contar que Leandro, com a sua declaração da semana passada, acabou desencadeando uma motivação extra ao time no jogo de Chapecó. E por fim, o goleiro Diego, que pegou a vaga de Moretto no jogo contra o Brusque e tem dado mais segurança. Tem boa visão, saída de bola e orienta a linha defensiva. Foi uma contratação feliz.

Figueirense: (25 gols sofridos, 11 no turno, 12 no returno, 2 nas semifinais)

Aqui, temos uma defesa leve e entrosada, que teve que ser reconstruída após a Série A de 2011. Ainda vejo dificuldades nas laterais alvinegras, onde Pablo e Guilherme Santos não chegam na qualidade que Bruno e Juninho tinham na última temporada. Talvez esse seja o setor mais carente do time, se pensarmos nas necessidades visando o Brasileirão. No meio da área, está Canuto, zagueiro gringo que tem um posicionamento muito bom, sabendo se antecipar nos lançamentos e sem dar pontapé. E ainda por cima o Figueira tem Wilson, que chegou a falhar no Estadual, mas também fez várias boas defesas. Esse tem crédito, como um dos maiores ídolos da torcida.  O sistema defensivo alvinegro tem uma qualidade que poucos times tem: dois volantes rápidos que sabem fazer a recuperação e cobertura, ao mesmo tempo que conseguem carregar a bola e auxiliar na armação. Ygor e Túlio sabem o que fazem.

2 comentários:

  1. Acredito que faltou mencionar o Sandro, que faz uma dupla muito consistente com o Canutto.

    E, para ti, qual a melhor das duas?

    ResponderExcluir
  2. Dupla de zaga, Avaí. Defesa como um todo, e aí contando laterais e volantes de contenção, o Figueira me agrada mais.

    ResponderExcluir