domingo, 15 de julho de 2012

A culpa é só do Argel?

Marco Santiago / Notícias do Dia
Desde os tempos de Criciúma, Argel Fucks é conhecido por falar demais e as vezes ser pego pela língua. As vezes, ao invés de admitir o erro, joga a culpa no outro pra dizer que não é com ele.

Aconteceu ontem, em Figueira x Galo. Um jogo em que faltou inteligência, para segurar em 20 minutos uma vantagem de dois gols, que acabou em virada e vaias do torcedor.

Mas será que a culpa é só dele?

Vendo o jogo com calma, dá pra ver que Argel sacou Loco Abreu para a entrada de Aloisio para colocar um atacante zero quilômetro e segurar um pouco a marcação adversária, que poderia partir para o desespero. Até aí, tudo certo. Mas ele e o time que estava em campo falharam na atenção, em enfrentar um time qualificado com jogadores em condição de desequilibrar. Cuca, vendo que a virada era complicada, botou Guilherme em campo pra ver o que dava. Aí, ele jogou muito bem e fez até gol. Com três golpes seguidos, o psicológico foi lá pra baixo e a derrota veio.

Argel errou, mas os jogadores também. E o próprio time em si mostrou suas deficiências. Não dá pra descrever a falta que Túlio fez no time. Já que o tão sonhado lateral-direito do time virou lenda, Coutinho fica lá atrás marcando e apoia muito pouco. Do outro lado, o substituto Hélder ficava escondido atrás da marcação, pouco acionando Loco Abreu, que correu muito e buscou jogo.

Aloisio perdeu um gol por falta de calma, quando o Galo já tinha iniciado a reação. Argel descascou pra cima dele na entrevista coletiva, mas quem escalou foi ele, quem o treinou foi ele, e não tem outra opção no banco. Então, não tem muito o que fazer.

Era um jogo divisor de águas, com a estreia de Loco Abreu, que foi bem, criou novas oportunidades e deu uma boa esperança de dias melhores para o alvinegro. Acontece que o resultado, do jeito que aconteceu, deixa o clima mais tenso para o jogo contra o desesperado Atlético-GO em Goiânia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário