quarta-feira, 25 de julho de 2012

E aí Hélio, que achou do problema?

Luiz Henrique / Figueirense FC
Mais uma derrota, agora são 11 jogos sem vencer. Hélio dos Anjos teve a oportunidade de, ao lado do campo, ver o tamanho do problema que terá que lidar. O time não mostrou nada muito diferente da derrota para o São Paulo. Até dá pra dizer que se ajeitou de forma tímida no meio-campo, mas insuficiente para que se diga "ooh, o time melhorou". Falta muita coisa.

Antes de tudo, foi pênalti no final do jogo em cima do jogador do Figueira que o árbitro não marcou. Mas descarregar nesse erro a culpa pelo resultado ou pela continuação da má fase é tapar o sol com a peneira. De novo, o time não apertou, o Inter soube controlar maior parte da partida, anular Loco Abreu e levar o jogo até o final, com o gol marcado por Dagoberto no primeiro tempo.

Mas com um time revirado por Abel Ribeiro, com Pittoni de meia e Doriva de lateral, pouco havia de se esperar. Hélio agora que vai colocar a mão no time. Não que ele seja um milagreiro, mas pela aposta que foi feita pela diretoria nele, acreditar no seu trabalho é uma obrigação para que o time saia da posição em que se encontra. Com certeza ele vai dar o "chacoalhão" no vestiário e tentará levantar a moral do time pra buscar uma reação. E terá problemas no final de semana, com Caio, Julio César e Loco Abreu fora do jogo.

Aliás, o Loco Abreu jogou hoje? E o Roni? Apareceram na súmula mas nada fizeram em campo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário