sexta-feira, 27 de julho de 2012

Leão na raça, Tigre passa por mais um

O Avaí venceu o Bragantino no último lance, sofrido, pra arrancar o grito do torcedor. Enquanto isso, o Criciúma fez o serviço e goleou o Barueri com mais dois gols de Zé Carlos, cada vez mais disparado na artilharia e chamando a atenção do Brasil.

Na Ressacada, um jogo complicado de assistir. O Avaí chegava com aquele jeito desorganizado de outras partidas, com Cléber correndo pra lá e pra cá e tudo aquilo que já sabemos. Mas o Leão não podia perder esse jogo de forma alguma. Contra um adversário mais fraco, a bola tinha que entrar de qualquer jeito. Aí Acleisson, logo um ex-jogador avaiano, cometeu uma falha boba e acabou sendo expulso. Isso mudou o rumo da partida. A partir daí, o Braga abdicou do jogo, permitiu o Avaí pressionar, e numa dessas coisas incríveis do futebol, saiu o gol aos 49 com Felipe Alves. Gol que dá tranquilidade, tem um efeito psicológico enorme, e ajuda na preparação para a próxima partida em Curitiba. Não jogou bem, mas ganhou mais um tempo pra tentar se arrumar. E Hémerson vai ter um pouco de pressão a menos.

Já o Criciúma tinha aquele tipo de obrigação perigosa: vencer o péssimo time do Barueri, que só venceu um jogo, lá em São Paulo. Mas não teve susto: com Douglas seguro e Zé Carlos bem posicionado, a vitória veio por 4 a 1, e metade do caminho para o acesso está traçado bem antes do fim do primeiro turno.  Considerando que o Sport conseguiu o acesso em 2011 com 61 pontos, mais da metade dos pontos já foram somados. É tocar o bom trabalho em frente, com os focos voltados para o sul do Estado e em cima de Zé Carlos (na foto homenageando a dupla sertaneja Neguinho e Emanuel em um dos seus gols). Basta dar uma pesquisada que você encontra torcedores de times da Série A impressionados com Zé do Gol. Mas como a multa rescisória é alta, o Tigre tem tranquilidade. Hoje, também quero chamar a atenção para o excelente trabalho do goleiro Douglas Leite. Ele é muito bom, e está dando conta do recado com muita qualidade. E o Criciúma segue rumo ao acesso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário