domingo, 29 de julho de 2012

Rumo abaixo. Tem virada?

Depois de mais uma daquelas atuações horrorosas, de uma derrota para um Botafogo de ataque triste, com Aloisio voltando a perder chances incríveis de gol, a torcida já começa a se acostumar com a ideia de mais um rebaixamento que, se vier, é absoultamente merecido.

Agora não é hora de caçar bruxas como já vi muita gente fazendo. Seria época de se propor soluções. Mas, sinceramente, não vejo essas soluções diante do quadro atual, em que reforços não vem (e pelo jeito não vão vir), os problemas em todos os setores continuam e Hélio dos Anjos, convocado para ser o bombeiro da situação, perde o sono atrás da receita que traga uma reação. Se ele não conseguir, pede o boné e parte pra outra.

Não bastasse o momento delicado do alvinegro na Série A, as próximas rodadas da tabela são mais cruciais ainda. Vêm aí confrontos diretos contra times que estão na parte de baixo da tabela e em má fase: Portuguesa (fora), Flamengo (casa) e Sport (fora). Nove pontos importantes que precisam ser conquistados para a situação não ficar pior do que já está. É hora do algo a mais para tentar resolver uma estrutura que está abalada desde que uma carreta azul a atingiu na decisão do Estadual.

Hélio dos Anjos agora sabe o tamanho do problema. Que tenha boa sorte.

Já tenho ouvido torcedor "conformado" com a situação. É um efeito perigoso. O problema é que o clube não faz nada para virar essa corrente. A cartilha do rebaixamento começa a ser lida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário