quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Rodada 100%: três boas vitórias e um milagre

Os três catarinenses venceram na rodada da Série B. Dois conseguiram se manter no G4 enquanto um Leão começa a ganhar embalo na tabela para se meter nessa briga no segundo turno.

E o que que foi esse jogo do Criciúma. Vamos começar por ele.

Fernando Ribeiro / Criciúma EC
Dá pra dizer que o raio caiu duas vezes no mesmo lugar. No dia 23 de junho, o Tigre já tinha conseguido uma virada histórica contra o Ipatinga, com os gols da virada nos minutos finais. Hoje, tivemos uma versão 2.0 disso: o placar marcava 3 a 1 para o América-RN até os 39 no segundo tempo. Estava dando tudo errado: adversário com um jogador a menos que dava perigo na frente, zaga errando, três gols sofridos. E numa dessas coisas sem explicação, o Criciúma foi para o abafa, o América não soube segurar os nervos e os gols vieram. E olha que teve pênalti claro em cima de Zé Carlos que não foi marcado. Aí teve confusão e ele acabou expulso, e vai desfalcar o time no jogo de sábado contra o Atlético-PR. Foi lindo, maravilhoso, de empolgar o torcedor e fazer buzinaço a noite toda, mas não vai ser sempre que a sorte vai sorrir desse jeito. O time foi irresponsável até certo ponto, achou que a vitória viria ao natural e venceu numa combinação de desespero com falta de preparo do outro lado. Não tem como perder o embalo agora, com dois jogos complicados pela frente neste final de turno (Atlético e Avaí). Fazer o dever de casa continua sendo obrigação, mas por favor, sem depender desse sofrimento de novo. O raio caiu duas vezes no Majestoso, o que já é difícil. Cair três então...

Vamos ao Joinville, que chega à quinta, isso mesmo, quinta vitória seguida. Desde aquele jogo ganhou que foi entregue para o CRB em Maceió, que o time de Leandro Campos não sabe o que é perder ou empatar. É o melhor time da Série B nas últimas cinco rodadas, e prova disso é a presença no G4. Mesmo se perder para o Vitória em Salvador na sexta, o que não é nada anormal, o time não sai da zona de acesso. Mas hoje o time abusou da sorte. Leandro Carvalho fez um gol em impedimento e o Bragantino teve um gol absurdamente anulado, onde a bola entrou sem dúvida alguma e o árbitro não anotou. Contra um time na posição que se encontra o Braga, não era pra correr riscos. O time correu, Leandro Campos sabe que o time não se apresentou bem, e precisa ajustar a casa pros dois próximos difíceis jogos, contra Vitória e Goiás.

E o Avaí continua sua escalada, vencendo o Guarani por 2 a 0. É assim: o adversário é ruim, atravessa má fase e o estádio estava vazio. Era obrigação vencer. Mas para se fazer valer o favoritismo, tem que ir lá e confirmar. Hémerson armou o time direitinho, marcando bem, anulando os meias adversários, saindo com velocidade e construindo as jogadas. Claro sinal que a casa está se arrumando. Felipe Alves apareceu com oportunismo, a zaga se comportou bem, e Wagner Diniz fez uma boa estreia. O time sobe para a oitava colocação, terá o Barueri em casa na sexta e a chance de terminar o primeiro turno próximo do G4. Aí, serão 19 rodadas de guerra, onde Hémerson Maria terá que mostrar se arrumou o time para brigar pelo acesso. Ainda não é o time ideal, mas o cenário já é bem melhor de umas 7 ou 8 rodadas atrás, sem dúvida. E um recado pro Laércio, não perde mais um gol daquele jeito, tá?

Nenhum comentário:

Postar um comentário