sábado, 27 de outubro de 2012

Criciúma ganha mais uma daquele jeito...

Rodrigo Vilalba / AE
Ô time que gosta de emoção esse Criciúma...

Jogo ruim, goleiro sai contundido, toma 1 a 0, e eis que a virada aparece em mais uma daquelas situações incríveis e inimagináveis típicas de um time iluminado. Vamos falar a verdade: foram dois gols de pelada. O primeiro, num chute fraco de Zé Carlos que bateu na canela do zagueiro pra entrar. O outro foi de Lins, criticado, esquecido, jogado lá no banco, que entrou em campo numa situação de "vamos ver no que dá" e aproveitou uma pixotada da defesa do Guarani para fazer um gol importantíssimo.

Colocou o Tigre de novo na liderança, com dois jogos em casa pela frente, Joinville e São Caetano.

Caso o time vença o JEC e o Atlético-PR bata o azulão, teoricamente faltaria um pontinho para a Série A. Quer saber? Não tem mais jeito, é muita continha para um time que tá numa fase tão boa que quando a qualidade não colabora, bate o fator sobrenatural pra consertar as coisas. A luta, e essa promete ser dura, é pelo título.

Aí a história muda um pouco, pois o time não retomou o embalo depois da saída de Lucca e fez duas atuações complicadas contra Barueri e, hoje, contra o Guarani. Nos jogos contra JEC, Azulão e Atlético, o bom futebol tem que reaparecer. Não vai ser todo dia que presentes assim vão aparecer.

No mais, o JEC voltou a empatar em casa com a apatia de quem mostra rodada após rodada que não merece o acesso neste ano.

Sábado que vem tem clássico no Heriberto Hulse, Tigre x JEC. E eu vou pra Criciúma ver esse jogão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário