sábado, 20 de outubro de 2012

Tigrão segue líder, JEC corre atrás do milagre e Chapecoense decepciona

Geraldo Bubniak / AE
Neste sábado, o Criciúma acabou empatando com o Paraná e, graças à vitória do Atlético-PR em Salvador, termina a rodada na liderança. O time ainda não garantiu o acesso matemático. Eu acredito que será confirmado contra o Joinville na rodada 34, que tem o confronto direto do Furacão com o São Caetano. Uma rodada que apresentou mais um forte concorrente ao título: segura que o Goiás está chegando em uma grande arrancada. A Série A já é realidade, mas a luta pelo título promete ser complicada. Já pensou o Tigre dando a volta olímpica na Ressacada na última rodada?

Luciano Ferreira / Futura Press
O Joinville venceu o CRB por 3 a 1 com direito a Lima cobrando um pênalti na arquibancada. OK, venceu em casa. Mas o prejuízo dos tropeços contra Barueri e Ipatinga custaram o sonho do acesso. A chance é matemática, mas considerando que o Atlético-PR está numa ótima fase, já abrindo seis pontos de vantagem, custo a acreditar em uma reviravolta a essa altura do campeonato.

E na Série C, a Chapecoense fez uma atuação "irritante", como disse o Badá, que estava no Rio de Janeiro. Mais uma vez, o time deixa a desejar fora de casa, perde pontos importantes e também vê voar a chance de decidir a vaga na Série B dentro de casa. Vencendo o Tupi no próximo final de semana, o time garante a classificação em terceiro ou quarto do grupo (Dá pra ser segundo, mas dependeria de uma combinação meio improvável de resultados), e aí, o Verdão enfrentaria Fortaleza ou Luverdense, as duas melhores campahas da outra chave, com o segundo jogo fora. Aí complica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário