segunda-feira, 1 de abril de 2013

A rodada: JEC, Metro e Tigre vencem bem. Juve supreende ou Chape decepciona?

Faltando três rodadas para o final do returno, a rodada do domingo serviu para colocar Joinville e Criciúma de novo na briga, consolidar o Figueirense na ponta do returno e colocar uma enorme dúvida no futuro da Chapecoense, dona do melhor futebol do campeonato até a primeira rodada do returno, no último jogo em Xanxerê. Desde então, além de não vencer, o time de Gilmar Dal Pozzo não marcou nenhum gol.

Henrique Porto / Avante Esportes
Em Jaraguá do Sul, o Juventus venceu a Chapecoense por 2 a 0. Coincidentemente, contra o mesmo adversário e no mesmo local o time do Oeste mergulhou naquela crise do rebaixamento em 2010. Ainda não é uma crise em Chapecó, mas tem torcedor preocupado. Sem vencer no novo gramado da Arena Condá, eu até esperava uma atuação convicente em um terreno bem semelhante ao de Xanxerê, onde o time foi 100%. Não foi, e tem torcedor verde perguntando onde se perdeu o futebol do time. O Juventus voltou a escapar da zona de rebaixamento, e a decisão será na próxima semana, quando o time, que tomou 8 do Criciúma para vencer o campeão do turno, receberá o Guarani. Ali as coisas devem se resolver.

Carlos Junior / ND
Joinville e Criciúma voltam à briga pela classificação geral e prometem botar fogo na reta final, anunciando um grande clássico no próximo domingo, no Majestoso. O Tigre conseguiu engatar duas vitórias seguidas pela primeira vez no campeonato, enquanto o JEC penou para passar pela proposta defensiva do Avaí e fazer o primeiro dos três gols da importante vitória na Arena. Sem Marquinhos, Ricardinho não teve outra coisa pra fazer do que segurar o time. Não há substituto para o craque do time, que faz as coisas funcionarem no seu talento individual. Sem o camisa 10, o Leão é um time comum. Aproveitando a fraca marcação de Arlan e Paulinho pelas alas, o Joinville achou a brecha que precisou para vencer, mas sem convencer muito. O meio-campo do time com Marcelo Costa e Ricardinho é muito lento, e Lima ainda não tem o companheiro que tanto gosta. Mesmo assim, a evolução do tricolor é notória. Arturzinho terá uma semana para o jogo contra o Criciúma, onde não pode perder. Finalmente terá tempo suficiente para ajustar o time.

Todos os jogos do próximo final de semana são importantes: além do clássico da capital, onde o Avaí tem a chance de conquistar a liderança do returno e o Figueira pode disparar, JEC e Criciúma decidirão no Sul quem terá mais chance de entrar pela classificação geral. A Chapecoense receberá o Camboriú para dar um basta nas preocupações e tentar voltar ao gráfico crescente, e Ibirama e Metropolitano vão para a guerra da turma que quer a vaga da Série D. Por fim, Juventus e Guarani se matarão na luta contra o rebaixamento. Rodadinha boa vem aí.


Nenhum comentário:

Postar um comentário