quarta-feira, 3 de julho de 2013

Cobiçado, Alan será negociado e deixará Chapecó

Notícia que vem de Chapecó dá conta que o lateral Alan não viajou com a delegação para Alagoas, onde o time enfrenta o ASA no final de semana.

Oficialmente, o motivo seria um resfriado. Mas ele foi tirado da viagem pela diretoria de futebol. Até amanhã, o seu novo clube será definido. Chegou a hora de negociá-lo, e o próprio técnico Gilmar Dal Pozzo deu sinais que não contaria mais com ele.

As possibilidades existentes e confirmadas até o momento são três: o Internacional, cujo interesse é conhecido e seu empresário já inclusive trabalha num pré-contrato, já que a Chape não tinha interesse em liberá-lo antes do fim do seu vínculo; o Corinthians, que viria sob um acordo com o BMG, que o repassaria como um investimento para São Paulo e conta com a simpatia do técnico Tite, amigo pessoal de Dal Pozzo, e também o Atlético-PR, cujo coordenador, Antonio Lopes, já entrou em contato com o clube manifestando interesse no jogador. Há um rumor de interesse de empresários que repassariam ao Grêmio, mas nada que possa ser oficializado.

Como o seu contrato vai até novembro, a Chapecoense tem o direito de cobrar a multa rescisória ou fazer qualquer outro tipo de negociação.

Certo é que Alan não defende mais o time na Série B.


Nenhum comentário:

Postar um comentário