quinta-feira, 6 de março de 2014

Boa arrancada para Figueira e Metrô

Em todos os quadrangulares, a regrinha básica para ficar entre os dois primeiros é: ganhar todos os jogos em casa e beliscar pelo menos um pontinho fora. Com 10 pontos, a chance de classificação é gigante.

Em uma abertura de quadrangular, Figueirense e Metropolitano fizeram sua parte. E jogaram a batata quente na mão de Criciúma e Joinville, que vão se enfrentar domingo no Majestoso.

Eduardo Valente / Notícias do Dia
No Scarpelli, em um jogo que não foi bom, prevaleceu quem foi um pouco mais eficiente. O Figueirense fez o primeiro gol na primeira chance real de ataque na partida, contando com a ajuda do zagueiro. Caio Júnior pode ver, em situação de jogo, o tamanho do pepino que tem pra descascar até o Brasileiro chegar. A primeira missão é organizar o amontoado deixado por Ricardo Drubscky, e isso leva certo tempo, além de dar uma alma ao time, que me parece jogar sem um foco definido. Depois disso, e se sobrar tempo de quadrangular, dá pra imaginar o Tigre brigando por vaga na final. O Figueira nada tem a ver com a história, venceu e lidera o quadrangular.

Carlos Junior / Notícias do Dia
Já na Arena Joinville, a forte marcação armada por Abel Ribeiro conseguiu anular o ataque do Joinville. Um time arrumadinho, fechando os espaços, com força na linha da zaga e que atacava no erro do adversário, e que conquistou um bom empate. O JEC teve oportunidades no primeiro tempo, mas acabou pagando pelos seus erros. Hemerson Maria poderia ter ousado mais. Esperou até os 41 minutos do segundo tempo para colocar mais um atacante em campo. Se isso mudaria o resultado, eu não sei. Mas o torcedor esperava outro resultado. Agora, o time terá que buscar fora de casa o que perdeu na Arena.

Final de semana de jogos que prometem: em Blumenau, a briga pela liderança. E em Criciúma, a luta de quem não quer ficar bem distante da final já na segunda rodada. E pensar que é apenas o décimo jogo de ambos no Estadual, com uma exigência enorme. E daqui a 10 dias, podemos ter alguma situação definida.


Nenhum comentário:

Postar um comentário