segunda-feira, 7 de abril de 2014

Os ingredientes da grande decisão de domingo


Carlos Junior / Noticias do Dia
O Joinville conquistou a vantagem do empate na decisão de domingo com a vitória em um jogo quente, o que já vinha se anunciando desde a partida entre os dois ainda no quadrangular, em Floripa.

Venceu quem tinha vontade de ganhar. Por mais que Vinicius Eutrópio tenha dito o contrário, não vi em nenhum momento o Figueira partindo pra cima. Jogou no erro do adversário e só subia na boa.

Jogo complicado para a arbitragem. Bráulio Machado se perdeu, faltou muito jogo de cintura. Wellington Saci, que é o personagem do confronto por ser um ex-jogador alvinegro e ter saído de lá em um clima nada bom, foi o foco das provocações. Aliás, provocação dos dois lados foi o que não faltou. Decisão é assim, jogo pra quem tem futebol e controle emocional, que faltou muito ao Figueira desde aquela partida do quadrangular. Tem que ter menos mimimi e mais futebol.

Faltam noventa minutos, e não tem muito segredo no que vai acontecer: o Joinville, que não terá Jael mas contará com a volta do zagueiro Rafael, vai apostar na pressão alvinegra para enfiar um contra-ataque e complicar mais a vida do time da casa. Foi assim que o time jogou nas duas últimas vitórias em Florianópolis, ano passado na Série B e no quadrangular. Sem Jael, Hemerson Maria apostará em Francis ou Fernando Viana, opções que dão mais rapidez ao time. Duvido muito que o técnico tricolor faça um retrancão. Tem um time equilibrado na defesa (que começou a se ajustar depois dos 3 a 0 sofridos na primeira fase), e uma rápida saída pelas laterais.

Já o Figueira, que não mostrou brilho algum em Joinville, vai apostar nas bolas de Marcos Assunção para ver no que dá. O meio-campo alvinegro ficou preso na forte marcação do volante Naldo e pouco trabalhou. Dá pra dizer que foi uma boa para Eutrópio ter perdido o jogo com apenas um gol de diferença. Tem uma semana para tentar arrumar a receita para evitar o segundo título seguido de Hemerson Maria dentro do Scarpelli.




Nenhum comentário:

Postar um comentário