quinta-feira, 11 de setembro de 2014

A aposta Jorginho

Depois de tomar tantos "nãos" de treinadores, a Chapecoense encontrou um que lhe deu um sim. Celso Rodrigues volta para ser auxiliar e vem Jorginho, que teve uma última passagem nada boa no Vitória.

Basicamente é isso. É o que tinha no mercado que aceitou pegar o clube e se encaixou no orçamento.

É uma aposta. Boa ou ruim, não sei. Comparando com Celso, é um nome mais experiente, mais "boleirão", e que pode tirar mais desse time, que me parece com falta de comprometimento. Sabe quando você vê que o time, mesmo limitado, pode render mais? Assim que eu vejo a situação da Chapecoense agora.

Ele contrasta trabalhos bons, outros não tão bons e outros ruins na sua carreira. Que em Chapecó ele faça valer a primeira opção. O time precisa de algo novo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário