segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Só em SC: semifinal com público zero, entra e sai de policiamento, calote...

Mais uma pra lista de micos do "futebol sério e competente" alardeado pela FCF e apoiado pelos clubes catarinenses. Qualquer um monta clube, joga onde quer e acontece de tudo.

Semifinal do primeiro turno da Série C de Santa Catarina, entre Oeste x Jaraguá, no Estádio do Marcílio Dias.

Público zero. É o que está na súmula.

O jogo deveria começar as 15:30. O policiamento atrasou e a partida começou as 16. O que se viu foi um sai-e-volta da PM que interrompeu o jogo mais de uma vez, até que veio o aviso que eles não voltariam e o árbitro terminou o jogo, quase três horas após o horário marcado pro início do jogo.

Já escrevi aqui e repito: ou a FCF começa a exigir estrutura desses times da Série C ou essa bagunça vai continuar. Tem time que nem tem uma cidade-sede. Isso é inconcebível.

Ah, e a arbitragem saiu de mãos abanando. Tomou calote do Oeste, mandante do jogo, que não pagou as taxas.

O relato completo do árbitro José Ricardo Pires abaixo, é incrível. Clique para ampliar:




Nenhum comentário:

Postar um comentário