segunda-feira, 18 de maio de 2015

"Ah, jogou bem mas poderia conseguir algo melhor..."

Rodada em que os quatro catarinenses não marcaram gol, e apenas dois pontos foram conquistados, nos empates de Figueirense e Joinville em casa. É muito cedo pra tirar alguma conclusão que possa dizer "olha, o time tem que contratar 4 ou 5 se não cai".

Hoje vou na contramão do pessimismo. Só não vi o jogo do Avaí, pois transmitia o jogo do JEC que acontecia ao mesmo tempo. Senti nas três outras partidas aquele sentimento do "time que tá arrumadinho, mas falta uma coisa a mais". Nenhum deles dá pra chamar de tragédia.

Chapecoense perdeu para o Corinthians com placar magro. O Figueirense empatou com o Vasco dominando no segundo tempo enquanto que o Joinville, bem arrumado na marcação, poderia até ter batido o poderoso Palmeiras se tivesse um pouco mais de poder ofensivo.

E vejam só, o Cruzeiro é o lanterna. O que não quer dizer absolutamente nada. Com duas semanas de Série A, dá pra ver claramente qual o caminho que precisa ser trilhado para uma melhora, e parece que uma coisa vale para todos eles: o ataque precisa ser observado com maior atenção.

E outra coisa que merece ser ressaltada é que não vi até agora nenhum time de encher os olhos. O que dá condição para que todos sejam batidos a essa altura.

Segue o bonde que no final de semana tem a terceira rodada. O Joinville mostrou evolução e um time mais solto, a Chapecoense continua arrumadinha mas precisa ser mais ousada, embora tenha vencido na estreia. Já o Figueira estreou seu time titular contra um Vasco que não mostrou nada demais. De Inter x Avaí nada posso falar, mas vi a chance de gol que Anderson Lopes perdeu. Aí ele pede pra ser criticado.




Nenhum comentário:

Postar um comentário