quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Joinville dá vexame em sua estreia internacional. Poderia, ao menos, ter vontade de vencer.

Carlos Junior / Notícias do Dia
O Joinville comemorou a ida para a Sul-americana, sua primeira competição internacional na história. A parte boa fica por aí.

Todo o planejamento deu errado. O clube resolveu cobrar ingresso do sócio, aquele que paga religiosamente por mês para não precisar desembolsar pra entrar. Resultado? Arrumou um desconforto e pouco mais de 3 mil pessoas no estádio, pior público do ano. Junte-se a isso o discurso sem graça desprezando uma competição importante, e deu no que deu.

Jogar com time misto é uma coisa. Jogar com time misto sem vontade é outra. Olha o que o Ceará fez no Morumbi.

Uma bolinha desgraçada. Jogo terrível. Bom para o Atlético-PR, que não fez força para fazer 2 a 0. Matou o confronto. De castigo, o JEC vai ter que subir a serra pra jogar a volta.

Que papelão.

E, de quebra, arrumou pressão pra domingo. Se jogaram essa bolinha aí para se poupar pro jogo contra o Fluminense, é bom que todos entrem voando no domingo. Se não vão ouvir mais um pouco.


Nenhum comentário:

Postar um comentário