quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Quando ninguém esperava, Avaí vence e manda o JEC de vez para a Série B

Jamira Furlani / Avaí FC
Acompanhando as estatísticas de Avaí x Joinville, notei que, aos 30 minutos do segundo tempo, o tricolor tinha 70% de posse de bola. Mandou no segundo tempo, via o adversário correr atrás. Como o futebol tem das suas coisas, a incompetência foi punida com uma jogada avaiana pela direita que acabou no gol de Everton Silva. Vitória importante do Leão que se mantém fora do Z4, assim como o Figueirense, que contou com a ajuda do péssimo árbitro Francisco Carlos Nascimento para bater o bom time da Ponte e também conquistar três pontos importantes.

A partida traz reflexos. No Joinville, não se viu nada muito diferente, por exemplo, dos jogos fora de casa contra Inter e Ponte, só pra citar dois. Mesmo com os adversários dando espaços e chances, o ataque era tão incompetente que acabava deixando o outro time acreditar e conseguir o gol sempre em jogadas pela direita do ataque. E por onde saiu o gol do Avaí? Erros de marcação a parte o tricolor, que contratou um caminhão de atacantes, nunca se encontrou na frente. O rebaixamento, agora consumado, não prolonga o sofrimento do torcedor, que ainda se agarrava nas muitas possibilidades dadas pelos adversários. A hora é de ver onde o clube errou (bastante coisa) e seguir em frente em uma temporada que teve título catarinense perdido num erro de registro, uma Copa do Brasil e Sul-americana pífias e, agora, um rebaixamento mais do que merecido.

Passando para o lado do Avaí, não é necessário dizer que a vitória é importante sim, mas engana quem não viu o jogo. O time teve um lampejo no primeiro tempo, fez o primeiro gol, poderia ter feito o segundo não fosse um impedimento mal marcado. Passou isso, e foi só. O segundo tempo foi de um time atacando e outro correndo atrás. Veio o gol da vitória que deve ser comemorada, mas em um jogo que precisa ser lembrado como sendo de um futebol fraquíssimo.

Tem que ver o que o Vasco vai aprontar contra o Coritnthians. Mas caso o campeão brasileiro vença, a disputa contra o descenso vira de três times para apenas uma vaga, hoje do Coritiba, que bateu o Goiás fora de casa. Há boas possibilidades sim, mas é necessário jogar muito mais bola.




Nenhum comentário:

Postar um comentário